in

Red Hat unifica automatização por cloud híbrida com novo Red Hat Ansible Tower

red-hat-unifica-automatizacao-por-cloud-hibrida-com-novo-red-hat-ansible-tower

A Red Hat, Inc. (NYSE:RHT), maior provedora de soluções open source do mundo, apresenta ao mercado o Red Hat Ansible Tower 3.4, mais recente versão da sua estrutura empresarial para automatização das operações de TI, incluindo infraestrutura, redes, clouds e segurança.

A novidade chega com aprimoramentos de fluxo de trabalho projetados para simplificar desafios de gestões complexas que envolvem cloud híbrida, podendo cobrir essas infraestruturas sem ser retido em silos de tecnologia específicos. “Empresas estão construindo centros de automação de excelência para acelerar a automatização em um conjunto mais amplo de domínios, incluindo computação, rede e armazenamento.

Com o Red Hat Ansible Tower 3.4, organizações conseguem ampliar escala e o alcance das atividades de automatização, com maior controle e visibilidade”, afirma Thiago Araki, gerente de Arquitetura de Soluções da Red Hat.

O Red Hat Ansible Tower permite que os usuários criem componentes reutilizáveis e modulares para automatizar operações mais complexas com a mesma facilidade de um simples playbook.

Além disso, possibilita a convergência de fluxos de trabalho, permitindo um ponto de coordenação entre diferentes etapas. A nova versão ainda autoriza a execução independentemente do sucesso ou fracasso de um projeto e possibilita a reutilização de fluxos de trabalho de implantação em datacenters, ambientes e equipes.

Agora, usuários podem pegar um único trabalho de grandes proporções projetado para centenas de máquinas e dividi-lo em certo número de atividades menores para distribuição por um ambiente de cluster Tower. Isso permite um funcionamento mais confiável e facilita a finalização dos trabalhos para que os usuários escalem sua automatização.

O Red Hat Ansible Tower também é compatível com o Red Hat Enterprise Linux, obedecendo ao Federal Information Processing Standard (FIPS 140-2), do National Institute of Standards and Technology (NIST). O FIPS é um padrão de segurança de computadores que especifica os requerimentos para módulos criptográficos, usado dentro de um sistema para proteger informação sensível, mas não confidencial.

Ao permitir que o Red Hat Ansible Tower funcione no Red Hat Enterprise Linux dessa forma, as organizações podem atender às diretrizes necessárias para a segurança de informações sem comprometer a necessidade de soluções de software inovadoras e flexíveis.

Escrito por Emanuel Negromonte

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.

Toyota é movido a Linux

Toyota é movido a Linux

ES File Explorer expõe dados de usuários Android

ES File Explorer expõe dados de usuários Android