Slowroll: saiba os motivos da mudança do openSUSE

Emanuel Negromonte
2 minutos de leitura

Algumas semanas atrás, falamos sobre o Slowroll, a nova versão do openSUSE para lançamentos contínuos que parece estar prestes a substituir o Leap, a edição principal da distro que sempre foi lançada à moda antiga, seguindo um cronograma de lançamento fixo. Essa mudança foi necessária porque a fonte upstream do Leap, SUSE Linux Enterprise, que também é lançada à moda antiga, está prestes a fazer a transição para algo que a SUSE está chamando de Adaptable Linux Platform, na qual grande parte do sistema operacional será conteinerizado.

O bom aqui é que os desenvolvedores do openSUSE não decidiram arbitrariamente como lidar com esse problema, mas procuraram seus usuários para ver o que queriam. Quando foi oferecida a escolha de uma nova versão fixa que estaria fora de sincronia com a oferta corporativa do SUSE, ou uma versão (codinome “Slowroll”) baseada no Tumbleweed, o lançamento contínuo do openSUSE, os usuários escolheram a última. A diferença entre os dois? Embora o Tumbleweed seja constantemente atualizado como um lançamento contínuo tradicional, o Slowroll adicionará um grau de estabilidade ao desacelerar o processo de atualização. Correções de bugs e patches de segurança serão aplicados à medida que estiverem disponíveis, mas as atualizações de recursos acontecerão a cada mês ou mais.

Depois que isso foi decidido, o pessoal do openSUSE voltou para seus usuários e perguntou como deveriam chamar essa nova versão de sua distro, e os usuários disseram que o Slowroll ficaria bem.

Neste post, vamos dar uma olhada mais de perto no Slowroll e ver o que ele oferece aos usuários do openSUSE. Também vamos compará-lo com o Tumbleweed e o Leap e ver quais são as vantagens e desvantagens de cada um. Por fim, vamos mostrar como você pode experimentar o Slowroll em seu próprio computador e dar sua opinião sobre ele.

Share This Article
Follow:
Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.