in

Sonda indiana pronta para soltar lander na Lua

Sonda indiana pronta para soltar lander na Lua. Neste artigo, veja alguns detalhes dessa importante missão indiana à Lua.

Sonda indiana pronta para soltar lander na Lua
Sonda indiana pronta para soltar lander na Lua. Foto: NASA.

Antes de mais nada, você sabia que a Índia está lançando um lander e um rover para a Lua? Neste artigo, veja como uma sonda indiana está levando um lander e um rover para a nossa Lua.

Assim, a espaçonave Chandrayaan-2, que está na Lua, completou com sucesso sua quinta e final manobra de órbita hoje (1º de setembro), preparando o palco para o lançamento do primeiro lander lunar do país.

Posteriormente, a espaçonave Chandrayaan-2 realizou uma manobra de 52 segundos às 8:51 da manhã EDT, refinando sua órbita para um caminho que varia de 119 a 127 km acima da superfície lunar.

Nesse ínterim, a Organização Indiana para Pesquisa do Espaço (ISRO, sigla em inglês) disse em uma atualização:

Todos os parâmetros da espaçonave estão normais.

Separação do lander Vikram

Logo depois, a próxima operação é a separação do lander Vikram do orbitador Chandrayaan-2. Esse evento está agendado para segunda-feira (2 de setembro) alguma hora entre 3:15 e 4:15 da manhã EDT. Será 12:45 da tarde no horário padrão indiano quando a separação ocorrer.

Sonda indiana pronta para soltar lander na Lua
Sonda indiana pronta para soltar lander na Lua. Imagem: Indian Space Research Organisation.

Após a separação, o Vikram vai realizar duas manobras para baixar a órbita visando se preparar para sua alunissagem na região do polo sul da Lua.

Segundo a ISRO, a ideia para operações futuras após a manobra de hoje da Chandrayaan-2 é a seguinte:

  • Separação do Vikram: Segunda, 2 de setembro. 3:15-4:45 da manhã EDT.
  • Baixa de órbita 1: Segunda, 2 de setembro. 11:30 EDT.
  • Baixa de órbita 2: Terça, 3 de setembro. 5:30 da tarde EDT. Objetivo da órbita: 36 x 110 quilômetros.
  • Descida propulsionada: Sexta, 6 de setembro.
  • Alunissagem do Vikram: Sexta, 6 de setembro. 4 horas da tarde EDT.

O lander Vikram da Chandrayaan-2 foi nomeado em homenagem a Vikram A. Sarabhai, muitas vezes chamado de pai do programa espacial indiano. Está projetado para funcionar por um dia lunar, o que é equivalente a cerca de 14 dias terrestres.

A missão indiana Chandrayann-2 foi lançada para a Lua em 22 de julho e é a segunda missão lunar da ISRO após o voo bem sucedido da Chandrayaan-2. Ela consiste de um orbitador, o lander Vikram e um pequeno rover lunar chamado Pragyan, que está armazenado a bordo do Vikram e será desdobrado assim que o lander tocar a Lua.

Afinal, você gostou de conhecer mais da sonda indiana que está levando um lander e um rover para a Lua?

Fonte: Space.com

Leia também: Como a SpaceX usa o Linux para controlar seus foguetes e espaçonaves

Escrito por Leonardo Santana

Astrônomo amador e eletrotécnico. Apaixonado por TI desde o século passado.

General Motors integrará Android Automotivo do Google

5 maneiras em que o Android é muito melhor que o iOS

Alexandre Oliva se junta ao conselho da FSF

Alexandre Oliva se junta ao conselho da FSF