Tails 5.14 traz migração automática LUKS2

Esta versão também apresenta backups completos de seu armazenamento persistente diretamente do instalador do Tails.

Claylson Martins
3 minutos de leitura

A distribuição que serve para navegação anônima Tails 5.14 foi lançada hoje como outra atualização ISO mensal que traz vários novos recursos, melhorias e componentes atualizados. A grande novidade é que o Tails 5.14 traz migração automática LUKS2.

No mês passado, o lançamento do Tails 5.13 habilitou a criptografia LUKS2 por padrão para todos os novos armazenamentos persistentes e volumes criptografados com a promessa de que versões futuras também suportariam a migração para armazenamento persistente existente e volumes criptografados de LUKS1 para LUKS2.

O Tails 5.14 agora está aqui com migração automática para LUKS2 e Argon2id para usuários do Tails 5.12 ou versões anteriores. Mesmo que o LUKS2 ofereça criptografia mais forte, os desenvolvedores recomendam que os usuários também alterem a senha de seu Persistent Storage e outros volumes criptografados com LUKS.

Falando sobre Persistent Storage, esta versão apresenta a capacidade de executar um backup de seu Persistent Storage diretamente do Tails Installer, clonando seu Persistent Storage para seu backup Tails inteiramente.

Além disso, o Tails 5.14 traz várias melhorias de usabilidade para armazenamento persistente, como uma opção na tela de boas-vindas para criar um armazenamento persistente em vez de um botão, bem como descrições para vários recursos de armazenamento persistente e uma menção ao Kleopatra no recurso GnuPG.

Tails 5.14 traz migração automática LUKS2

Tails 5.14 traz migração automática LUKS2

Além disso, o Tails agora também oculta marcadores persistentes duplicados no gerenciador de arquivos Files (Nautilus) e não reinicia mais o ambiente de área de trabalho GNOME após criar um novo Armazenamento Persistente.

Fora isso, o Tails 5.14 introduz a detecção de portal cativo ao se conectar à rede anônima do Tor automaticamente. Esse recurso detectará se você precisa entrar na rede usando um portal cativo e exibirá uma caixa de diálogo de erro recomendando que você tente entrar na rede como primeira opção.

Por último, mas não menos importante, esta versão apresenta a capacidade dos usuários de doar para o projeto Tails em Bitcoin de sua carteira Electrum. O mais recente navegador anônimo Tor Browser 12.0.7 também é instalado por padrão nesta versão.

Se você deseja proteger sua identidade online, evitar a censura ou realizar outras tarefas na Internet sem medo de ser observado, pode baixar o Tails 5.14 agora mesmo no site oficial.

Share This Article
Follow:
Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão. Nas horas não muito vagas, professor, fotógrafo, apaixonado por rádio e natureza.