KDE reduz o uso da CPU no Wayland após correções

KDE pede sugestões do que deve ser feito com o desktop nos próximos 3 anos
KDE Plasma Wayland tem novas correções importantes e melhorias contínuas para o Plasma 6

O ambiente de desktop KDE reduz o uso da CPU no Wayland após correções. Depois de um hiato de algumas semanas devido aos feriados, o desenvolvedor do KDE Nate Graham está de volta com seus relatórios semanais de desenvolvimento sobre o KDE.

Com o Plasma 6.0 previsto para ser lançado no final de fevereiro com o KDE Frameworks 6 e o ??KDE Gear, os desenvolvedores continuam muito ocupados com a correção de bugs e outras alterações de última hora. Conforme observado no início desta semana, o Plasma 6.0 RC1 também está disponível para teste.

Alguns dos destaques recentes observados pelo desenvolvedor do KDE, Nate Graham, no espaço K* incluem:

  • Aplicar um papel de parede a todas as telas de uma vez agora pode ser feito de forma fácil e rápida.
  • Suporte para definir uma velocidade personalizada do ponteiro do mouse, semelhante à opção do touchpad.
  • O Plasma agora pode ser configurado para desligar as telas ao mesmo tempo que bloqueia.
  • Colord-kde foi portado para Qt 6.
  • Redução do uso da CPU em segundo plano ao mover o ponteiro. Este foi um problema sob Wayland. A solução é esperar que uma inversão de página do DRM seja feita, em vez de um loop ocupado.

Melhorias na interface do usuário

Agora é possível aplicar rapidamente um papel de parede a todas as telas de uma só vez;

Agora você pode definir uma velocidade personalizada do ponteiro do mouse, assim como no touchpad;

O Discover Notifier não aparece mais na bandeja do sistema (mesmo apenas na área inativa), a menos que realmente tenha algo para notificá-lo – o que significa que você pode removê-lo permanentemente simplesmente dizendo ao Discover para nunca verificar atualizações automaticamente na página Atualizações das configurações do sistema;

Os botões e o campo de texto com o tema Breeze agora têm sempre a mesma altura, para que nunca pareçam ligeiramente diferentes quando adjacentes um ao outro;

Em todo o software KDE, a forma como os ícones simbólicos (ou seja, aqueles cujos nomes terminam com -symbolic) são encontrados foi melhorada: quando um ícone simbólico não é encontrado e o sistema tem que recorrer a um ícone mais genérico, você agora obterá uma versão simbólica desse ícone, se existir;

Agora você pode configurar o Plasma para desligar a tela no mesmo momento em que ele trava;

Vários utilitários e janelas de diálogo que não aparecem no Gerenciador de Tarefas também não aparecem mais no efeito Visão Geral.

Mais detalhes sobre as correções recentes do KDE e outras mudanças no blog do Nate.