Verbose mode por ser um termo que assusta muita gente no mundo Linux, pois é. Se traduzirmos ou apenas estudarmos um pouco sobre Administração de Sistemas Linux, vamos compreender que o Verbose mode é nada mais, nada menos que o modo detalhado.

Esse modo está disponível para Windows, MacOS e claro, o Linux. Esse modo detalhado por ser uma opção de algumas aplicações, que permitem que você acompanhe tudo o que esta sendo feito em tempo real. Um exemplo comum de verbose mode se tratando de um computador com Linux instalado, é durante a inicialização, aquelas letras no fundo preto.

Ali é possível identificar o que o sistema está fazendo. E se você pode observar cada linha, os itens que estão sendo carregados e isso vale tanto para hardware quanto para software. Com o verbose mode é possível identificar possíveis falhas durante a inicialização ou após o carregamento do sistema operacional.

Você não possui uma TV por assinatura ou está pagando muito caro na sua? Acesse o site SKY e veja as promoções atuais com a operadora que possui um dos melhores preços de TV do país!

Como ativar o verbose mode

Caso você use uma versão que exiba uma tela de carregamento ao invés do modo verbose, você pode pressionar ESC que a tela de carregamento será cancelada, mas isso só vale enquanto sistema estiver sendo carregado, chegou a tela de login não dá mais para ver o verbose mode. E para voltar a tela de carregamento, basta pressionar ESC novamente que tudo volta ao normal, essa mesma tela que exibe o carregamento é conhecida como Splash.

O modelo acima é o mais popular, mas cada aplicação possui suas peculiaridades, basta saber acessar o modo detalhado de acordo com as instruções do desenvolvedor. Espero que tenha sanado a dúvida sobre o que é o verbose mode! E se você quiser aprender um pouco mais sobre o Linux, temos um curso gratuito online de Administração de Sistemas Linux, aprenda um pouco mais de domine o Linux.

Habilitar Network Manager no openSUSE 42.3 Leap

Previous article

Canonical lança 26 atualizações para o kernel do Ubuntu 14.04 LTS (Trusty Tahr)

Next article

You may also like

More in Artigo