in

Agora você pode executar o Android em um iPhone com o Project Sandcastle

O Project Sandcastle é a consequência de um esforço de desenvolvimento de 13 anos para portar o Android para iOS e também demonstrar que as barreiras de segurança da Apple podem ser comprometidas.

Agora você pode executar o Android em um iPhone com o Project Sandcastle
Imagem: Reprodução | The Hacker News.

Não está satisfeito com o seu iPhone caro e já se perguntou se é possível executar qualquer outro sistema operacional no seu smartphone como, por exemplo, o Android ou o Linux?

Os telefones Android podem ser acessados usando o root e os iPhones podem sofrer um processo chamado jailbreak para desbloquear novos recursos. Porém, até agora, foi quase impossível fazer o Android rodar em iPhones, dadas as restrições de hardware e as limitações de software.

No entanto, agora é possível executar o Android sem problemas em um iPhone — graças a uma nova iniciativa, chamada Project Sandcastle.

Executar o Android em um iPhone com o Project Sandcastle

Empreendido pela startup de segurança cibernética Corellium, o Project Sandcastle é a consequência de um esforço de desenvolvimento de 13 anos para portar o Android para iOS e também demonstrar que as barreiras de segurança da Apple podem ser comprometidas.

O site do projeto diz:

O iPhone restringe os usuários a operar dentro de uma caixa de areia. Mas quando você compra um iPhone, você possui o hardware do iPhone.

O Android para iPhone oferece a liberdade de executar um sistema operacional diferente nesse hardware. O Android para iPhone possui muitas aplicações práticas interessantes, desde pesquisas forenses a dispositivos efêmeros de inicialização dupla até o combate ao lixo eletrônico.

Por enquanto, apenas alguns dispositivos, como o iPhone 7, o iPhone 7 Plus e o iPod Touch, são capazes de executar uma versão personalizada do Android, que é instalada com o OpenLauncher e o aplicativo de mensagens seguras Signal.

Mesmo assim, existem muitas restrições, incluindo nenhum suporte para saída de áudio, modem celular, Bluetooth e câmera, para citar algumas, como mostra a tabela abaixo.

Agora você pode executar o Android em um iPhone com o Project Sandcastle
Imagem: Corellium.

Portanto, isso significa que o Project Sandcastle é um trabalho em andamento.

Usando jailbreak para executar o Android em um iPhone

O hack usa o jailbreak Checkra1n para ignorar as restrições e ter um acesso mais profundo ao iOS.

O jailbreak — semelhante ao root no Android do Google — é um processo para escalar privilégios que permitem aos usuários do iOS remover as restrições de software impostas pela Apple, possibilitando assim ignorar o jardim murado da empresa para adicionar aplicativos e outras funções, incluindo as de lojas de aplicativos não oficiais.

A prática, deve-se observar, também anula a garantia do seu dispositivo, pois é uma violação do contrato de licença do usuário final da Apple com o qual você concorda toda vez que compra um novo iPhone.

Além disso, os jailbreaks tendem a ser muito específicos e muito dependentes da versão do telefone e do iOS, para que sejam replicados com êxito.

O único problema é que o Checkra1n é apenas um jailbreak temporário e será eliminado assim que o telefone reiniciar.

Embora o jailbreak no início só fosse possível através do macOS, ele ganhou suporte ao Linux no mês passado, abrindo a possibilidade de realizar um jailbreak através de dispositivos que não são da Apple.

Assim, usando a exploração de jailbreak checkra1n, a equipe do Corelium descobriu que é possível instalar uma versão semi-funcional do Android em um iPhone.

Um projeto controverso

O Project Sandcastle da Corelium acontece quando a Apple processou a empresa no ano passado por suposta violação de direitos autorais ao vender o iOS e o software de virtualização de dispositivos, incluindo versões virtuais de dispositivos iOS sendo executadas, o que a Apple chama de cópias não autorizadas do iOS.

Além disso, o desenvolvimento segue o anúncio da Apple no ano passado de que distribuirá iPhones especiais com acesso root para pesquisas de segurança que são menos restritivos do que os vendidos normalmente.

Embora o Project Sandcastle seja uma grande conquista, não é preciso dizer que os dispositivos com jailbreak e root vêm com seus próprios riscos.

Você pode testar a versão beta seguindo as instruções neste link.

Fonte: The Hacker News

Escrito por Leonardo Santana

Profissional da área de manutenção e redes, astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.