in

Amazon Red Hat OpenShift anunciado para usuários de Kubernetes

Deseja a AWS com orquestração de contêiner Red Hat OpenShift Kubernetes fácil de usar? Em breve, você terá isso.

Amazon Red Hat OpenShift anunciado para usuários de Kubernetes

A Red Hat e a Amazon Web Services (AWS) já trabalham juntas há algum tempo. Essa união ficou ainda mais estreita com o lançamento do Amazon Red Hat OpenShift que acaba de ser anunciado para usuários de Kubernetes. Assim, fica mais fácil executar a popular distribuição da Red Hat na AWS. Para rememorar, a Red Hat levou o OpenShift para a AWS em 2017.

De acordo com Sathish Balakrishnan, vice-presidente de plataformas hospedadas da Red Hat, essa nova visão do OpenShift  será:

Um serviço totalmente gerenciado que permite às organizações de TI criar e implantar aplicativos mais rapidamente na AWS na poderosa plataforma corporativa Kubernetes da Red Hat, usando as mesmas ferramentas e APIs. Os desenvolvedores poderão criar aplicativos em contêiner que se integram nativamente aos mais de 170 + serviços nativos da nuvem integrados da AWS para aumentar a agilidade, inovação e escalabilidade.Com a combinação das décadas de conhecimento e experiência em TI corporativa da Red Hat e da AWS no Amazon Red Hat OpenShift, as organizações de TI poderão lançar sistemas nativos da nuvem que podem reter segurança de nível corporativo, seja mais ágil e veja o desempenho aprimorado enquanto aumenta a eficiência de custos.

Amazon Red Hat OpenShift anunciado para usuários de Kubernetes

Amazon Red Hat OpenShift anunciado para usuários de Kubernetes

Especificamente, o novo OpenShift permite que os clientes iniciem clusters Red Hat OpenShift com uma experiência integrada da AWS para criação e gerenciamento. Listagem do console da AWS, modelo de cobrança sob demanda (por hora); fatura única para implantações da AWS; e suporte da AWS.

Os recursos do Amazon Red Hat OpenShift incluem:

Amazon Red Hat OpenShift anunciado para usuários de Kubernetes

  • Integração nativa abrangente com os serviços da AWS. O robusto portfólio de serviços em nuvem da AWS, de computação, armazenamento, rede, banco de dados, análise e aprendizado de máquina, pode ser acessado diretamente pelo Amazon Red Hat OpenShift, facilitando a construção, a operação e a escala global sob demanda, por meio de uma interface de gerenciamento familiar.
  • Um caminho claro para implantações de nuvem híbrida através do Red Hat OpenShift. O Amazon Red Hat OpenShift fornece os Kubernetes prontos para produção que muitas empresas já usam no local hoje, simplificando a capacidade de transferir cargas de trabalho para a nuvem pública da AWS conforme as necessidades dos negócios.

Balakrishnan explicou:

Ao contrário de alguns fornecedores do setor, não vemos o Kubernetes corporativo como realmente bem-sucedido se for baseado na infraestrutura de virtualização herdada ou mergulhada em tecnologias proprietárias. A Red Hat vê a plataforma nativa da nuvem para a empresa como totalmente aberta e altamente escalável em um modelo que abraça a inovação com segurança para uso em produção, trazendo o Amazon Red Hat OpenShift ao mercado ao lado de nosso parceiro de longa data. A AWS associa o líder empresarial em tecnologias de código aberto, incluindo o Kubernetes, ao líder em infraestrutura de nuvem pública e Serviços.

Essa união com outras empresas não algo inédito. Em 2018, a Red Hat anunciou um serviço semelhante do Microsoft Azure: o Azure Red Hat OpenShift. Mercado existe pois muita gente prefere que os Kubernetes da Red Hat substituam os Kubernetes da AWS na AWS e Amazon EKS .

O Amazon Red Hat OpenShift está atualmente se preparando para um programa de acesso antecipado. Você ter uma prévia técnica em breve. Espera-se que entre em disponibilidade no segundo semestre de 2020. O Red Hat OpenShift Container Platform e o Red Hat OpenShift Dedicated  estão atualmente disponíveis na AWS, se você deseja usar o OpenShift na AWS hoje.

ZDNet

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão. Nas horas não muito vagas, professor, fotógrafo, apaixonado por rádio e natureza.