Notícias

27/10/2021 às 12:00

5 min leitura

Avatar Autor
Por Jardeson Márcio

AMD realizará evento virtual em 8 de novembro

A empresa apresentará inovações da mesma com os processadores EPYC e os aceleradores AMD InstincT

AMD realizará evento virtual em 8 de novembro

A AMD realizará o evento virtual intitulado Accelerated Data Center Premiere no dia 8 de novembro às 11h ET (12h no horário de Brasília), mostrando as inovações da empresa com os processadores EPYC e os aceleradores AMD Instinct.


A empresa vem impulsionado inovações de alto performance em computação, gráficos, e tecnologias de visualização a mais de meio século. E, milhares de consumidores utilizam a tecnologia da AMD diariamente para melhorar a forma como vivem, trabalham e jogam.

Seguindo sua linha de lançamento de produtos úteis e necessários, a AMD lançará suas inovações em processadores, no evento virtual Accelerated Data Center Premiere. O evento virtual irá contar contará com apresentações da presidente e CEO da AMD, Dra. Lisa Su, do Vice Presidente Senior e Diretor Geral, Data Center e soluções embutidas do grupo, Forrest Norrod e Vice Presidente sênior e Diretor Geral da Unidade de negócios de servidor, Dan McNamara.  

O evento ficará disponível para o público no site da AMD, neste link, a partir das 11h. ET do referido dia. A gravação será disponibilizada e poderá ser acessada após o final da livestream do evento, caso você não consiga assistir o evento ao vivo.

AMD marca evento virtual para mostrar as inovações em processadores EPYC e aceleradores AMD Instinct

amd-realizara-evento-virtual-em-8-de-novembro
Imagem: AMD

A AMD prepara para seu evento virtual, o que chama de inovações da empresa em processadores EPYC, podendo revelar na ocasião, processadores ainda mais potentes que os atuais. A empresa revela ainda, que apresentará os aceleradores AMD Instinct, que podem trazer mais velocidade para os seus produtos.

Com base nessas informações, podemos esperar muito desse evento da AMD. Quanto mais inovação na área de processamento, mais os usuários optarão pelos processadores da empresa, assim como as empresas, claro.

A AMD pode limpar de uma vez por todas da mente dos usuários, a lentidão nos seus processadores, causada pelo novo Windows 11, cuja atualização já resolveu o problema, mas causou bastante desgaste enquanto não aconteceu.

Para quem não lembra, o Windows 11 foi lançado com um bug que fez com que os processadores AMD tivessem um desempenho pior no novo sistema operacional. Além disso, a primeira atualização do Windows 11 piorou a situação, deixando os processadores ainda mais lentos.

Felizmente, na semana passada, uma correção foi lançada para o problema de cache L3 que estava afetando os processadores AMD na versão original do Windows 11, devolvendo a potência dos processadores AMD Ryzen.

No evento de 8 de outubro, o foco é outro, mas tem tudo a ver com a melhoria dos processadores da empresa, que podem, em um futuro próximo, não ser afetados pelos sistemas operacionais que os usam.

Jardeson é Mestre em Tecnologia Agroalimentar e Licenciado em Ciências Agrária pela Universidade Federal da Paraíba. Entusiasta no mundo tecnológico, gosta de arquitetura e design gráfico. Economia, tecnologia e atualidade são focos de suas leituras diárias. Acredita que seu dia pode ser salvo por um vídeo engraçado.

Últimos artigos

Newsletter

Receba nossas atualizações!

Newsletter

Receba nossas atualizações!
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.