in

Arch Linux agora é baseado no Kernel 5.9

ISO oferece novos recursos de acessibilidade.

A ISO do Arch Linux agora tem como base o Linux Kernel 5.9. Este kernel oferece novos recursos de acessibilidade além de um melhor suporte de hardware. A imagem de instalação do Arch Linux foi atualizada e é uma das primeiras a ter oficialmente a última série do kernel Linux 5.9.

A chegada do novo kernel coincide com o lançamento ISO de novembro de 2020 do Arch Linux. Entre alguns dos destaques do kernel Linux 5.9 estão:

  • uma nova opção rescue = mount e várias melhorias de desempenho para o sistema de arquivos Btrfs;
  • suporte para as instruções FSGSBASE x86;
  • suporte para a arquitetura Unicore;
  • bem como suporte de compressão Zstandard (Zsdt) para construção de kernels x86.

Outras mudanças interessantes incluem:

  • gerenciamento aprimorado de memória anônima;
  • reconhecimento de capacidade para o programador de prazo;
  • suporte para reguladores de controlador integrado do Chrome OS;
  • suporte para Intel “Keem Bay” Movidius VPUs;
  • e schedutil como regulador de frequência de CPU padrão para arquiteturas ARM e AArch64 (ARM64).

Arch Linux agora é baseado no Kernel 5.9

Arch Linux agora é baseado no Kernel 5.9

Além do envio com a série do kernel Linux 5.9 (versão 5.9.2 incluída), o lançamento de novembro de 2020 da ISO do Arch Linux também é o primeiro a vir com novos recursos de acessibilidade que ajudam aqueles com necessidades especiais a instalar o poderoso sistema em seus computadores.

O primeiro recurso de acessibilidade é visível no segundo item de menu de inicialização. Ele permite que usuários de leitores de tela inicializem o Arch Linux ISO na BIOS com reconhecimento de voz. Assim, será possível que você instale o Arch Linux ou execute a manutenção do sistema com suporte de voz.

Além disso, o bootloader da ISO Arch Linux agora tem um tempo limite padrão de 15 segundos em vez de 10 para permitir que usuários cegos selecionem o item de menu de sua escolha. Assim, se pressionar uma tecla de seta até que o tempo limite expire, o cronômetro pára. Por outro lado, caso contrário, a ISO inicia automaticamente. Porém, isso ocorre se nenhuma tecla for pressionada ou a seleção de alguma das opções não foi feita.

Você pode baixar a versão de novembro de 2020 do Arch Linux ISO agora mesmo do site oficial. Os usuários atuais do Arch Linux não precisam baixar a nova imagem ISO. Então, para isso, execute o comando:

sudo pacman -Syu