Take a fresh look at your lifestyle.

Como instalar o Driver Nvidia no Fedora 27

Aprenda a instalar o driver de sua VGA Nvidia em seu Fedora

0 1.337

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Aprenda como instalar os drivers corretamente e assim aproveitar todo a potência de sua Nvidia no Fedora Linux.

Como instalar o Driver Nvidia no Fedora 27 e afins

Essa semana passei um perrengue para instalar os drivers Nvidia no Fedora 27 que uso e por isso gostaria de compartilhar com todos como instalar o Driver Nvidia no Fedora 27 e afins de forma prática e simples.

O artigo é baseado no Fedora 27, mas acredito que funcione em outras versões e que possa servir de base para outras distribuições.

Vou dividir esse texto em tópicos, pois apesar de simples é um pouco longo. Sendo assim vamos ao primeiro passo, que é a limpeza de nosso sistema de possíveis instalações anteriores:

Desinstalando pacotes de tentativas de instalações fracassadas:

sudo dnf remove nvidia-* -y

Assim nosso sistema apaga qualquer pacote que seja remanescente e que corresponda com o nome indicado.

Agora, se tivermos usado um driver baixado do site da Nvidia, devemos realizar a desinstalação deste também. Para isso, considero aqui que o terminal esteja aberto na pasta do referido arquivo, assim usamos o seguinte comando:

sudo ./NomeDoArquivoDoDriver --uninstall

Um exemplo desse comando seria:

sudo ./NVIDIA-Linux-x86_64-387.34.run --uninstall

Onde o “NVIDIA-Linux-x86_64-387.34.run” é o arquivo que baixei do site da Nvidia. Isso pode variar de acordo com a versão que você estiver utilizando.

Desabilitando o Nouveau:

Para quem não sabe, o Nouveau é um driver OpenSource para Linux que está disponível em praticamente todas as distribuições Linux. Ele é responsável por lidar com o hardware Nvidia nesses sistemas. Mas infelizmente o desempenho desse driver não pode ser comparado aos drivers proprietários fornecidos pelo fabricante.

Com seu editor de texto preferido, seja ele gráfico ou texto, abra o arquivo “/etc/modprobe.d/blacklist.conf”, no meu caso utilizo o mcedit que sempre gostei muito por se assemelhar com editores “ms edit” e “ms qbasic”:

sudo mcedit /etc/modprobe.d/blacklist.conf

E após o arquivo aberto (provavelmente estará vazio) acrescentaremos a seguinte linha:

blacklist nouveau

Ficando assim:

Agora é só sair (F10) e salvar (Sim).

Agora editamos o arquivo “/etc/sysconfig/grub” para lá também desativarmos o Nouveau:

sudo mcedit /etc/sysconfig/grub

Com o arquivo aberto procuramos a linha “GRUB_CMDLINE_LINUX=” e nela adicionamos o texto “rd.driver.blacklist=nouveau” ficando assim:

Depois do arquivo editado, é só Sair(F10) e salvar (Sim).

Desabilitando o repositório RPMFusion e habilitando o repositório Negativo17:

Para quem possui o RPM Fusion como repositório em sua distribuição (acredito que a maioria possua) ele deve temporariamente ser desabilitado para não conflitar com os pacotes que teremos que instalar após adicionarmos o repositório Negativo17.

Para desabilitar um repositório existem várias maneiras. Podemos editar cada arquivo do repositório, podemos apagar os arquivos (não recomento), podemos mover o arquivo de lugar (é o que vamos utilizar aqui).

Então faremos o seguinte, iremos mover os arquivos referentes ao RPMFusion do diretório onde o Fedora busca as configurações de repositórios para nossa pasta pessoal. O comando é simples:

sudo mv /etc/yum.repos.d/rpmfusion-* ~/

Assim todos os arquivos no diretório “/etc/yum.repos.d/” que correspondam ao “rpmfusion-*” serão movidos para nosso diretório de usuário, que aqui é denominado como “~/”.

Agora vamos adicionar o repositório Negativo17 Nvidia (se você ainda não o possuir) com o seguinte comando:

sudo dnf config-manager --add-repo=https://negativo17.org/repos/fedora-nvidia.repo

Se tudo ocorreu sem nenhum erro já temos todos os pré-requisitos para realizar a instalação dos drivers Nvidia em nosso sistema Fedora.

Instalar o Driver Nvidida no Fedora 27 e afins:

Agora a parte mais fácil de nosso tutorial, instalar o Driver Nvidida no Fedora 27 e afins com este comando:

sudo dnf install -y nvidia-driver kmod-nvidia nvidia-settings

Novamente, se tudo estiver correto nossos drivers foram instalados bastando apenas reiniciarmos o computador para que possam entrar em uso.

Espero que tudo tenha ocorrido corretamente e você possa desfrutar de um melhor desempenho agora que já possui os drivers Nvidia instalados.

Habilitando o RPMFusion novamente:

Antes de terminarmos esse tutorial devemos retornar os arquivos do repositório RPMFusion para que possamos acessá-lo normalmente. Coisa simples a ser feita:

sudo mv ~/rpmfusion-* /etc/yum.repos.d/

E só para confirmar, vamos listar se estão no local certo:

ls -l /etc/yum.repos.d/

E o resultado seria:

Bom, espero que tenha ajudado você a instalar os drivers e aproveitar melhor seu sistema Fedora.

Quero aproveitar para agradecer ao usuário David Silva (@dafsjr) do grupo Fedora Brasil no Telegram pois sem a ajuda dele ainda estaria sem nenhum driver instalado.

Ah, não deixem de seguir o SempreUpdate no Tweeter e entrar Grupo SempreUpdate no Telegram.

 

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Comentários