Notícias

Confira as novidades do LibreOffice 6.1

0
Confira as novidades do LibreOffice 6.1

O LibreOffice 6.1 acaba de ser oficialmente lançado. O anúncio foi feito pela Document Foundation, que também liberou a suíte de escritório para ser baixada. Esta é a segunda grande atualização da série 6 do LibreOffice, lançada no início de 2018, para todas as plataformas suportadas. Confira as novidades do LibreOffice 6.1.

Principais recursos

O programa vem sendo desenvolvido há 6 meses e está disponível para Linux, Mac ou Windows. Entre os recursos, a funcionalidade de manipulação de imagens foi renovada. Desse modo, ela ficou significativamente mais rápida e suave, especialmente ao abrir documentos criados no Microsoft Office.

O LibreOffice 6.1 também adiciona um novo menu Página e reorganiza os menus do Draw para melhor consistência entre os diferentes módulos. Ainda aprimora o filtro de exportação EPUB com opções adicionais para personalizar metadados e melhor suporte para links, imagens, tabelas, notas de rodapé e fontes incorporadas.

O componente Base também recebeu uma grande melhoria. O mecanismo de banco de dados Firebird agora está habilitado por padrão, substituindo o antigo mecanismo de banco de dados HSQLDB. Recomenda-se que os usuários migrem seus arquivos do HSQLDB para o Firebird usando o assistente de migração ou exportando-os para um servidor HSQLDB externo.

Colaboradores do LibreOffice

Os novos recursos do LibreOffice 6.1 foram desenvolvidos por uma grande comunidade de contribuidores de código. 72% dos commits são de desenvolvedores empregados por empresas do Conselho Consultivo como Collabora, Red Hat e CIB. Outros contribuidores são SIL e Pardus, e 28% são de voluntários individuais, disse a The Document Foundation.

Para usuários Linux

Confira as novidades do LibreOffice 6.1

Novos ícones do LibreOffice 6.1

O Colibre é um novo tema de ícones para usuários do Windows. Ele segue as diretrizes de design padrão da Microsoft. Com isso, eles esperam que os usuários do Windows se sintam em casa quando migrarem para um sistema operacional diferente.

O LibreOffice 6.1 traz uma melhor integração com o KDE Plasma.  

Além disso, permite o uso de ícones Elementary em ambientes baseados no GNOME. Também usa interfaces nativas GTK + 3 em janelas de diálogo. O filtro de importação para arquivos XML do Microsoft Excel 2003 foi aprimorado.

Versão on-line

O LibreOffice Online, o serviço paralelo para implantar o LibreOffice em ambientes de nuvem pública e privada, também recebeu melhorias significativas no LibreOffice 6.1. Os destaques incluem uma interface de usuário renovada que é mais atraente e consistente com a versão desktop do LibreOffice.

Por último, o LibreOffice 6.1 enriquece as páginas da Ajuda on-line. Deste modo, foram inseridos arquivos de texto e de exemplo para guiar os usuários sobre os recursos. Assim, espera ajudá-los a localizar facilmente os recursos do LibreOffice.

Onde baixar

Confira as novidades do LibreOffice 6.1

O LibreOffice 6.1 já está disponível para download para sistemas operacionais GNU/Linux , macOS e Microsoft Windows para instalações novas e existentes.

A Document Foundation considera o LibreOffice 6.1 uma versão inovadora. Portanto, ela deve ser usada apenas por usuários avançados, entusiastas de tecnologia e pioneiros. Para implantações corporativas, The Document Foundation ainda recomenda a série do LibreOffice 6.0 , que será suportada com atualizações de manutenção até 26 de novembro de 2018. O LibreOffice 6.1 será suportado até 29 de maio de 2019.

Claylson
Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

10 Truques que você precisa saber sobre o Telegram

Previous article

Como instalar o Syncthing, alternativa grátis para sincronizar arquivos

Next article

You may also like

Comments

Comments are closed.

More in Notícias