Categorias

Android

Games

Notícias Linux

Tutoriais Linux

Vídeos

Artigo

12/01/2021 às 09:30

17 min leitura

Avatar Autor
Por Emanuel Negromonte

Criteo: Conheça a tecnologia por trás dos anúncios e o compromisso da empresa com as novas legislações de proteção de dados

Criteo Conheca A Tecnologia Por Tras Dos Anuncios Entrevista Exclusiva Para O Sempreupdate

A Criteo já conhecida por ser um dos parceiros que mais anunciam através da rede Google, está no mercado a muitos anos. No entanto, tudo anda mudando no mercado dos anúncios, e em entrevista exclusiva ao SempreUpdate, Maiby Gignon, diretora regional de parcerias com publishers para LATAM da Criteo, revela detalhes sobre a jornada da empresa.

Tecnologia Criteo

1540515747204 150x150

Houve alguma mudança na tecnologia de anúncios nos últimos 4 anos?

Nos últimos quatro anos, vimos desenvolvimentos e inovações significativas no campo da tecnologia dos anúncios. A publicidade programática ficou mais inteligente graças ao surgimento da inteligência artificial (IA) e do machine learning, que fornecem mais valor para anunciantes e publishers. Especificamente, esses aprimoramentos tecnológicos estão sendo usados para campanhas direcionadas otimizadas, otimização de criativos dinâmicos e bids preditivos para garantir que os anúncios sejam entregues ao consumidor certo, com a mensagem certa para gerar o maior retorno sobre o investimento.

Além disso, a indústria de publicidade passou por mudanças sem precedentes devido a preocupações crescentes em torno da privacidade do usuário, levando empresas de tecnologia de publicidade a aprimorar suas soluções para fornecer mais transparência sobre como os dados do usuário são compartilhados.

Somente em 2020, vimos mais e mais empresas gravitando para a publicidade de e-commerce devido à mudança de comportamento dos consumidores causada pela pandemia do COVID-19; apenas nos primeiros cinco meses de 2020, as vendas em e-commerces cresceram mais de 50% no Brasil, segundo pesquisa da ABComm.

O comércio eletrônico continuará ganhando força à medida que o isolamento social persistir em todo o mundo e os consumidores se movimentarem online para encontrar os produtos e serviços de maneira rápida e fácil. No Brasil, novas ofertas, como o WhatsApp Payments e as novas opções de pagamento do Mercado Livre, tornarão mais fácil que consumidores comprem através de e-commerces.

Novas “experiências sem toque”, como os QR codes, também forçarão os varejistas a se adaptarem a esse novo comportamento de consumo, pois todos eles facilitam a experiência de compra do consumidor. É importante notar, no entanto, que as compras de forma física não desaparecerão em 2021. As estratégias de marketing Omnichannel serão ideais para os varejistas navegarem por esse ‘novo normal’.

Existe um tempo médio de carregamento para os anúncios?

Embora o tempo de carregamento do anúncio dependa de vários fatores, como a conexão do usuário com a Internet ou o back-end de um site, a maioria dos anúncios é veiculada em segundos e em tempo real. Para quantificar isso, a Criteo vê milhões de bids todos os dias e exibe mais de 40.000 anúncios por segundo em todo o mundo. Os tempos de carregamento rápidos são essenciais para que os profissionais de marketing alcancem, engajem e retenham consumidores que estão acostumados a experiências de navegação rápida online no desktop e no celular.

Além disso, investir em infraestrutura para combater problemas de latência garantirá tempos de carregamento mais rápidos e ajudará os profissionais de marketing a aumentar as conversões. Agora, mais do que nunca, experiências de usuário rápidas, descomplicadas e perfeitas são essenciais para garantir que os usuários passem mais tempo em sites de marcas e publishers.

A Criteo pode ser usada fora do DFP, como o header bidding?

Sim, os publishers têm flexibilidade para aproveitar nossa solução de header bidding, Criteo Direct Bidder, que foi lançada em maio de 2017, independentemente de usarem ou não o Google Ad Manager (anteriormente conhecido como DoubleClick for Publishers). Isso, normalmente, dependerá de como cada publisher específico gerencia seu inventário de anúncios.

O Publisher pode ter acesso direto aos anúncios ou apenas por meio de redes ou agência?

Nossa solução Criteo Direct Bidder ajuda os publishers web e app a aumentarem a receita, conectando diretamente seu inventário premium à demanda exclusiva de mais de 20.000 anunciantes. Essa solução garante que os publishers retenham o valor total das impressões que a Criteo compra, enquanto geram vendas lucrativas e ROI para os anunciantes no processo.

Os publishers que usam nossa solução Direct Bidder podem gerar receitas mais altas e se beneficiar de maior transparência, eliminação de taxas de terceiros e integração flexível. Até o momento, cerca de 5.000 publishers usam nossa solução para web e aplicativos globalmente.

Qual a perspectiva da empresa para o final do ano?

2020 foi um ano crucial não apenas para a indústria da publicidade, mas também para todo o mundo. Primeiro, o Google anunciou a suspensão do uso de cookies de terceiros, impactando todo o ecossistema de publicidade de anunciantes, publishers, adtechs e consumidores. Então, a indústria foi atingida por desafios sem precedentes devido à pandemia global, como problemas de cadeia logística e preocupação com brand safety.

No entanto, conforme encerramos o ano e nos aproximamos de 2021, a Criteo continua empolgada com nosso futuro. Estamos confiantes em nossos ativos incomparáveis, incluindo dados globais de comércio de $ 2 bilhões de transações online diárias em 4 bilhões de SKUs de produtos por dia, tecnologia líder do setor, 15 anos de experiência em compra de mídia e ótimas pessoas.

Para o próximo ano, a Criteo continuará na jornada para se tornar uma plataforma multi produto, fornecendo um conjunto completo de planejamento de mídia e serviços de venda por meio de nossa Commerce Media Platform – uma plataforma líder mundial de ativação de mídia para marcas globais, agências e varejistas para otimizar suas vendas e retornos de publicidade digital.

A Criteo faz compras diretas em sites, portais ou canais?

Sim. A Criteo tem integrações globalmente com 20.000 clientes, 5.000 publishers e acesso exclusivo ao inventário em mais de 100 dos principais sites de varejo do mundo.

A Criteo não atende mais a demanda de publishers diretamente, existe a possibilidade de isso voltar no futuro?

A Criteo compra inventário de publishers diretamente, sim. Como mencionado anteriormente, a Criteo lançou o Criteo Direct Bidder em maio de 2017, tecnologia que foi adotada por mais de 5.000 publishers premium globalmente. O Criteo Direct Bidder inclui uma implementação de header bidding por meio da qual a Criteo pode melhor competir em um leilão unificado antes das chamadas do ad server,e, assim, aumentar significativamente o valor para ambos, nossos publishers e anunciantes.

Quando lançamos o Criteo Direct Bidder, também tomamos a decisão de parar de comprar inventário diretamente de publishers de long e mid-tail, a fim de focar nas parcerias com os maiores publishers nos diferentes mercados. Essa decisão foi tomada para garantir brand safety e a mais alta qualidade de serviço para nossos anunciantes.

Quem são os principais parceiros de publicidade?

A Criteo trabalha com diversos parceiros de publicidade, incluindo SSPs (Supply Side Platforms), DMPs (Data Management Platforms) e mais. Você pode ver uma lista de nossos parceiros aqui: https://www.criteo.com/br/privacy/our-partners/

Todos os anúncios já estão compatíveis com a LPGD e a CCPA?

A Criteo leva a privacidade do consumidor muito a sério. Desde o nascimento da empresa na Europa, em 2005, a Criteo tem um histórico comprovado de garantir que nossa tecnologia tenha altos níveis de privacidade e segurança de dados, ao mesmo tempo que ajude nossos clientes a atender às expectativas dos compradores com publicidade personalizada e relevante.

Quando a GDPR entrou em vigor em 2018 na União Europeia, estávamos na vanguarda da conformidade trabalhando em estreita colaboração com grupos do mercado de publicidade para determinar a melhor maneira de honrar a privacidade do consumidor e manter uma Internet forte, livre e aberta. A Criteo foi uma das primeiras empresas a comentar e se comunicar com as autoridades de proteção de dados sobre as complexidades da nova lei.

Além disso, nossos advogados e engenheiros de dados nos representaram em associações de grupos comerciais do setor e ajudaram a criar a primeira e segunda iterações da Estrutura de Transparência e Consentimento do Interactive Advertising Bureau (IAB), que permite à Criteo saber se um usuário optou pela publicidade baseada em interesses.

No Brasil e nos Estados Unidos, respectivamente, a Criteo também tem acompanhado o desenvolvimento e a promulgação da LGPD e do CCPA, e usamos o que aprendemos com as conformidades do GDPR para nos prepararmos melhor para essas leis.

A Criteo é membro da Digital Advertising Alliance e segue as diretrizes do setor para fornecer opções de opt-out e avisos de que a Criteo está veiculando um anúncio digital. Além disso, a Criteo é membro da Network Advertising Initiative e também aceitamos os opt-outs que eles nos enviam.

E mais, a Criteo ainda assinou o Acordo de Provedor de Serviços Limitados do IAB (LSPA) que nos permite receber sinais de opt-out de publishers. À medida que as leis se desenvolvem e são interpretadas por agências e tribunais, a Criteo continuará a seguir as orientações adicionais para garantir que sigamos as diretrizes governamentais instituídas, bem como os padrões do setor.

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.

Últimos artigos

Newsletter

Receba nossas atualizações!

Newsletter

Receba nossas atualizações!
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.