in

Cronograma de desligamento do Android Things é compartilhado pelo Google

Google compartilha cronograma de desligamento do Android Things

cronograma-de-desligamento-do-android-things-e-compartilhado-pelo-google

Parece que o desligamento do Android Thing é inevitável e que o Google já traçou um cronograma para isso. Lançado em 2016, pelo Google, como um sistema operacional simples para uso em uma variedade de aparelhos inteligentes, o Android Thing não decolou nos produto de hardware do Google.

Agora, o Android Things OS está encontrando outro obstáculo em seu caminho, já que o uso não comercial começa a ser cortado no início do próximo ano. Além disso, desde o ano passado que os esforços do Google vêm se ampliando para alto-falantes e monitores inteligentes. Talvez, a empresa encontre neste segmento algo que, possivelmente, não tenha encontrado com o lançamento do Android Things.

cronograma-de-desligamento-do-android-things-e-compartilhado-pelo-google
Imagem: Android Authority

Desligamento do Android Things

De acordo com informações do próprio Google, o Android Things Developer Console não aceitará mais a criação de novos projetos usando o NXP i.MX7D ou o Raspberry Pi 3B, o último de seus dois kits de desenvolvedor ainda em uso, a partir de 5 de janeiro de 2021.

O Google diz que os desenvolvedores com projetos existentes podem continuar usando o Android Things Console para construir imagens e enviar atualizações OTA por mais algum tempo. A verdade é que esse tempo já foi até delimitado e se estende até 5 de janeiro de 2022. Após essa data, o console será encerrado completamente para uso não comercial e todos os dados do projeto serão excluídos permanentemente.

Apesar de o Android Things ter sido lançado como uma plataforma robusta, que permitiria a construção e manutenção de dispositivos da Internet das coisas em grande número e do seu uso, ainda, em monitores inteligentes e alto-falantes de fabricantes terceirizados, este é outro desenvolvimento decepcionante com fim próximo e programado.

O desligamento do Android Things, remete a um ciclo que se fecha depois de uma atuação não tão brilhante como se esperava. Um ciclo em que os esforços não foram suficientes ou não aconteceram como deveriam, para alavancar e manter uma plataforma que prometia muito!

Com informações de: Android Police