in

Facebook compra CTRL-Labs, fabricante de ‘pulseira de leitura da mente’

O Facebook adquiriu uma start-up que está desenvolvendo dispositivos que podem captar sinais elétricos do cérebro e transmiti-los para um computador.

Confirmando, o Facebook acaba de comprar a empresa conhecida por fabricar pulseiras de leitura da mente. A CTRL-Labs é conhecida por sua pulseira capaz de identificar os sinais que o cérebro envia à mão, como por exemplo, para se mover.

A ideia central da pulseira de leitura da mente, é que este mesmo comando possa ser enviado para um computador ou qualquer dispositivo. Segundo Andrew Bosworth, presidente do Facebook VR, a pulseira é capaz de capturar a intenção de quem a utilizar.

Quer ver como as pulseiras de leitura da mente funcionam? Confira o vídeo:

Então, você pode compartilhar uma foto com um amigo usando um movimento imperceptível ou apenas com a intenção, disse ele em um post em sua página pessoal no Facebook.

Um relatório da CNBC apontava que o acordo valia entre US $500 milhões e US $1 bilhão. Bosworth espera que a equipe do CTRL-Lab consiga fazer com que os seus produtos audaciosos, possam ser transformados em produtos de consumo o quanto antes.

Após o anúncio da compra, as redes sociais começaram a pegar fogo, ou quase isso:

O Facebook precisa se aprofundar em nossas vidas menos, não mais, twittou o comentarista de tecnologia Azeem Azhar.

Estou muito curioso para ver qual é a resposta dos reguladores e legisladores daqui, escreveu Fatemeh Khatibloo, analista da Forrester.

Mas, houve também quem apoiasse a ideia:

Como educador, estou imaginando como isso pode transformar a forma como todos aprendemos.  disse Josh Chan, fundador de um aplicativo educacional.

A tecnologia CTRL-Labs é uma contribuição inovadora que o Facebook espera que seja usada para melhorar significativamente as próximas experiências de AR/VR [realidade aumentada/ realidade virtual] do Facebook daqui a alguns anos, para melhorar fundamentalmente a experiência do usuário, afirmou o Facebook em seu anúncio.

O Facebook deve dar mais detalhe nesta quarta-feira, (25) em torno de sua mais nova aquisição. Para quem não sabe, amanhã será realizado o seu evento anual de headset Oculus VR, que a empresa adquiriu em 2014 por cerca de US $ 2 bilhões. E assim, é bem provável que a temática em torno da pulseira de leitura da mente, venha à tona.

Com informações do Facebook, CNBC, BBC.

Escrito por Emanuel Negromonte

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.

A ONU está acusando a Coreia do Norte de lavar dinheiro através de uma empresa de blockchain

Como sua empresa pode usar a blockchain?

O que o Google sabe sobre você?

Por que o Assistente do Google não salva mais gravações de voz por padrão