in

Firefox com Wayland pode ser adiado para o Fedora 31

Medida foi tomada para não atrasar o lançamento do Fedora 30, previsto para os próximos meses.

Firefox Wayland por padrão ficou para o Fedora 31

O Fedora 30 tem como objetivo ser lançado com a versão nativa Wayland do Firefox por padrão, em vez de depender da XWayland. Este Firefox nativo de Wayland há muito tempo é oferecido no repositório do Fedora, porém não é usado como navegador padrão. Apesar de não estar totalmente eliminado ainda, mais tempo foi concedido para prepará-lo para esta atualização no Fedora.

A alteração “Firefox Wayland por padrão” está atualmente entre a lista de alterações incompletas do Fedora 30. Apesar do prazo, o Comitê de Engenharia e Direção do Fedora (FESCo) está permitindo que esse recurso ainda seja inserido se não atrasar marcos beta do Fedora 30.

Comunicado oficial

O FESCo divulgou um comunicado dizendo o seguinte:

O FESCo gostaria de ver esta mudança se não atrasar o lançamento da versão beta. A revisão padrão do bloqueador/exceção fará a chamada final. Se ela não chegar à versão F30 Beta, esta alteração será adiada para a F31.

Como se vê no anúncio acima, é pouco provável que as alterações fiquem prontas a tempo para o Fedora 30. Portanto, o mais prudente será esperar até o Fedora 31 previsto para o final do ano. No entanto, mesmo com o possível adiamento, é possível experimentar esta versão livre do X11 através do pacote firefox-wayland.

Benefícios

Ubuntu Mir Developer cria nova ferramenta de depuração Wayland

O plano para usar a versão nativa Wayland do Firefox por padrão para o Fedora Workstation 30 em cima do GNOME foi provisoriamente aprovado pelo Fedora Engineering and Steering Committee (FESCo). A ideia inicial era de que esta versão do Firefox Wayland seria usada pelo Fedora 30 imediatamente quando executada na sessão do GNOME Shell Wayland.

Usuários do Fedora 29, contudo, podem avaliar o suporte atual do Wayland Firefox instalando o pacote firefox-wayland. Além disso, ou em outras distribuições, os bits do Firefox Wayland são mantidos atualizados. Então, se você baixar o Firefox Nightly, pode iniciar o Firefox com a variável de ambiente MOZ_ENABLE_WAYLAND = 1 definida para um efeito semelhante.

Além de ser capaz de evitar o XWayland, a versão nativa do Firefox com o Wayland deve funcionar mais rápido. Também deve fornecer melhor renderização de fonte e lidar melhor com o escalonamento HiDPI/display, entre outros benefícios.

Fedora 31 planeja usar sinalizadores de proteção de segurança do GCC por padrão

O Fedora 31 provavelmente estará habilitando vários sinalizadores de proteção de segurança do GCC, por padrão. Esta é uma tentativa de melhorar ainda mais a segurança do software em seus repositórios e daqueles construindo software em seus próprios sistemas Fedora.

Na verdade, as bandeiras que eles planejam usar por padrão já são os padrões no Ubuntu. Portanto, estão atrasados na adoção da medida. O que é surpreendente visto que seria esperada essa utilização nos sistemas da Red Hat. 

Com o Fedora 31 eles habilitariam sinalizadores “-Wformat -Wformat-security -fstack-protector-strong” por padrão para verificar as chamadas printf/scanf para garantir que uma string de formato apropriada fosse especificada e as conversões estão corretas. Isso alerta sobre possíveis problemas de segurança para o formato impressão e proteções adicionais.

O sistema de compilação do Fedora já habilita alguns sinalizadores relacionados à segurança por padrão. Porém, essa alteração remendaria o GCC para habilitar a funcionalidade por padrão para todo o software criado pelo GCC (assumindo que os sinalizadores opostos não estão definidos). Assim, assegura que todo software construído no Fedora 31 receberia esses benefícios de proteção.

Detalhes sobre esta mudança planejada para o Fedora 31 são descritos através desta proposta de mudança .

Written by Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

Microsoft anuncia oficialmente o DTrace para Windows

Microsoft rumo ao código aberto: DTrace para Windows

As principais novidades do Kernel 5.1

As principais novidades do Kernel 5.1