in

Firefox oferece ‘internet livre de anúncios’ por cinco dólares ao mês

Você está disposto a pagar?

Firefox oferece 'internet livre de anúncios' por cinco dólares ao mês

A Fundação Mozilla já anunciou que passaria a cobrar por uma versão paga do navegador. O dinheiro serviria para manter o desenvolvimento do projeto. Agora, a Fundação publicou uma nova página convidando os usuários a usarem uma versão paga do seu navegador Firefox Premium que bloqueia toda a publicidade. Porém, não está acessível no Brasil, por enquanto. Assim, o Firefox oferece ‘internet livre de anúncios’ por cinco dólares ao mês.

É uma maravilha, e se encaixa na atual estratégia do Firefox de aumentar a privacidade dos usuários, sempre que possível.

Firefox oferece ‘internet livre de anúncios’ por cinco dólares ao mês

Firefox oferece 'internet livre de anúncios' por cinco dólares ao mês

No entanto, ao clicar Clicar para inscrever-se no serviço de US $ 4,99 revela que ainda não está disponível e convida você a fazer uma pesquisa sobre o que acha da ideia. A empresa sem fins lucrativos diz que vai distribuir dinheiro de assinatura entre os sites parceiros para ajudar a “manter as luzes acesas”. Há também uma opção para ser notificado quando o serviço for iniciado.

A Mozilla deixou escapar alguns indícios de que estava buscando um modelo de assinatura opcional. A empresa deu garantias de que isso não significa que quaisquer recursos do Firefox sejam removidos da versão gratuita. Portanto, a única diferença será em relação aos anúncios.

Serviço será oferecido em parceria

Firefox oferece 'internet livre de anúncios' por cinco dólares ao mês

A versão livre de anúncios do Firefox parece ser uma parceria com o Scroll. Este é um serviço existente de bloqueio de anúncios que já está disponível na versão beta fechada.

Para sites como o nosso, é uma faca de dois gumes. Passamos anos tentando lembrar às pessoas que os sites não se pagam por si sós. Então, os anúncios são o que, para parafrasear a Mozilla, “mantém as luzes acesas”. No entanto, também estamos cientes de quão irritantes eles podem ser. No entanto, só o tempo dirá se isso funcionará na prática.

E você, está disposto a pagar cerca de 5 dólares para se livrar de anúncios? O que acha da medida?  Dê sua opinião em nosso grupo do Telegram.

Fonte

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

YouTube remove conteúdo sobre hacker ético

YouTube remove conteúdo sobre hacker ético

Pinebook Pro

Pinebook Pro define data para pré-encomendas