Take a fresh look at your lifestyle.

Fundador da linguagem Python se afasta da função BDFL (Atualizado)

Depois d grande repercussão pelo mundo, líder do projeto esclarece afastamento de função do projeto Python.

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Guido van Rossum, fundador da linguagem de programação Python, resolveu se afastar do cargo apelidado por eles de “Ditador Benevolente para a Vida (Vitalício, em português)” ou Benevolent Dictator for Life (BDFL), em inglês. De acordo com equipe do Python no Brasil, Guido van Rossum se afasta somente desta função mas continua à frente do projeto. Leia neste post, informações atualizadas sobre o afastamento do fundador da linguagem Python da função BDFL (Atualizado)

Origem da discussão

Fundador da linguagem Python se afasta da função BDFL (Atualizado)

Ao mesmo tempo, ele não nomeia ninguém como sucessor. Toda a discussão se iniciou após mensagens trocadas pela equipe. Na lista de e-mails trocados por eles, é falado sobre as atualizações que devem estrear em 2019. No caso, eles se referem especificamente à PEP 572. Trata-se de uma  nova funcionalidade que será implementada por padrão no Python 3.8. Nas mensagens, fica claro que essa mudança sofreu grande resistência por parte de desenvolvedores mais puristas do Python. A alegação é que essa sintaxe não seria tão boa mas Guido queria implementar a novidade. Assim, gerou-se um desgaste muito grande em torno da questão mas o criador continua no projeto Python.

Guido van Rossun está no projeto há cerca de 25 anos. Ele mesmo declarou que tem o Python como um hobby e que cuida dele como um filho. Contudo, em seu comunicado à lista dos desenvolvedores do núcleo do Python, Rossum diz que as pessoas desprezam suas decisões. Em seguida, ele anuncia que se retira de todo e qualquer processo de decisão. Diz também que estará disponível para orientar pessoas. Cita que não está tão jovem e que há alguns problemas médicos que não foram citados.

 

Muito raramente me pedem uma opinião, e geralmente não é
importante. Então, isso pode ser tratado como sempre foi. (…)
Eu ainda estarei aqui, mas estou tentando deixar vocês descobrirem alguma coisa
vocês mesmos. Estou cansado e preciso de um longo intervalo.

 

O que dizem os sites pelo mundo?

TheRegister: ‘Ditador benevolente para a vida’ cansado do ódio, não deixa para trás nenhum sucessor ou governança!

DataNews: Depois de mais de 25 anos, o holandês está agora na liderança. Na lista de discussão pública para desenvolvedores de Python , Van Rossum indica que ele teve a discussão na comunidade e “com pessoas que desprezam suas decisões”.

TechWorld: Em suma, Guido van Rossum parece amargo. Talvez ele não devesse ter em vista os enormes sucessos de sua criação em Python . Mas certamente você pode entendê-lo.

Outros sites ao redor do planeta deram como certa a saída de Guido do projeto. Sabemos que equívocos de interpretação podem acontecer, mas pelo visto todos entenderam a mesma coisa. Contudo, a partir do contato membro da Associação Python Brasil (APyB), o Fabio C. Barrionuevo, atualizamos a matéria com os devidos esclarecimentos. Portanto, Guido se afasta somente do cargo que lhe dava o voto de minerva na aprovação de mudanças. Ele continua fazendo parte do projeto.

Na lista de discussão, ele diz que continuará por um tempo como desenvolvedor líder e estará disponível como mentor. Guido diz que terá “férias permanentes” do posto de “ditador benevolente”, ou seja, aquele que dá a palavra final sobre as mudanças.

Se você quer ler o comunicado oficial sobre o afastamento do Guido van Rossum do Python, clique no botão abaixo:

Afastamento de Guido Van Rossum do Python

Get real time updates directly on you device, subscribe now.

Comments