in

Google descreve quatro motivos pelos quais suspenderá aplicativos Android da Play Store

O Google delineou erros comuns que os desenvolvedores cometem.

O Google destacou quatro motivos pelos quais suspenderá aplicativos Android de um desenvolvedor da Play Store. Além disso, lançou um novo curso que instrui os desenvolvedores a evitar serem expulsos.

O Google destacou algumas das principais formas pelas quais os desenvolvedores violam seus termos, resultando na expulsão de aplicativos da Play Store.

Google descreve quatro motivos pelos quais suspenderá aplicativos Android da Play Store

Assim, o Google delineou erros comuns que os desenvolvedores cometem, a fim de ajudá-los a evitar que suas contas sejam barradas. O Google publicou suas recomendações ao lançar sua nova Developer Program Policy (entrou em vigor em 21 de outubro).

Os aplicativos com botões e menus vinculados a páginas fora da Play Store são particularmente preocupantes. Esses links são para aplicativos do mesmo desenvolvedor ou outros aplicativos que podem ser afiliados ao desenvolvedor, mas não estão claramente identificados como anúncios ou links promocionais.

Google descreve quatro motivos pelos quais suspenderá aplicativos Android da Play Store
O Google destacou algumas das principais formas pelas quais os desenvolvedores violam seus termos, resultando na expulsão de aplicativos da Play Store. Imagem: terimakasih0 | Pixabay.

Andrew Ahn, gerente de produto do Google Play App Safety, avisou:

Sem essa clareza, os aplicativos podem ter anúncios enganosos/disfarçados. Uma das maneiras de evitar esses erros é marcando explicitamente os botões e links como: ‘Mais aplicativos’, ‘Mais jogos’, ‘Explorar’, ‘Confira nossos outros aplicativos’.

O Google está partindo do pressuposto de que os desenvolvedores estão apenas cometendo erros, em vez de agir de forma maliciosa. Ahn diz que o Google regularmente encontra desenvolvedores que colocam palavras-chave nas descrições do aplicativo para ajudar o aplicativo a ser descoberto; palavras não relacionadas ao aplicativo violam a política do Google.

Aplicativos quebrados e Webview Spam

Alguns dos 2,7 milhões de aplicativos na Play Store estão quebrados porque os desenvolvedores os abandonaram. Os desenvolvedores correm o risco de violar a “política de funcionalidade mínima” do Google, potencialmente afetando sua conta de desenvolvedor com o Google. Ahn escreve:

Considere cancelar a publicação de tais aplicativos na Play Store.

O Google também não aprova os envios de aplicativos que são apenas sites reembalados como aplicativos, projetados para direcionar o tráfego para um site (WebView spam), em vez de dar aos usuários uma razão para usar um aplicativo.

O curso Webview Spam promete ensinar aos desenvolvedores de aplicativos como alinhar o comportamento do aplicativo com a política do Google Play sobre WebView spam.

Fonte: ZDNET

Google bane aplicativos “stalkerware” da Play Store

Play Store trabalha em um recurso para compartilhar aplicativos sem internet

Seis aplicativos contendo malware Joker foram removidos da Google Play Store