in

Google e Linux Foundation querem ajudar projetos de código aberto a gerenciar suas marcas registradas

O objetivo principal é educar os codificadores.

O Google e a Linux Foundation estão se comprometendo de forma independente a ajudar projetos de código aberto a gerenciar suas marcas registradas de maneira eficaz e criteriosa. O Google anunciou uma nova fundação chamada Open Usage Commons, juntamente com acadêmicos e parceiros do setor. Igualmente, a Linux Foundation reiterou seu apoio ao licenciamento de código-fonte aberto justo e à propriedade de marcas registradas por meio do programa Project Hosting.

Os esforços de ambos os grupos enfatizam a propriedade independente e neutra de uma marca comercial por uma comunidade, em vez de uma única empresa ou parte interessada. Isso ocorre porque as marcas registradas, como logotipo, crachá ou mesmo o nome do projeto, muitas vezes são características que devem ser usadas com sabedoria e consistência.

O Open Usage Commons e a Linux Foundation desejam padronizar o processo de uso (ou reutilização) de marcas registradas. Ao mesmo tempo, desejam participar de testes de conformidade dos forks de código aberto. Se você deseja que seu projeto seja mantido pela organização, envie um e-mail para [email protected]. Para hospedar seu projeto na The Linux Foundation, clique neste link.

Google e Linux Foundation querem ajudar projetos de código aberto a gerenciar suas marcas registradas

Além disso, o Open Usage Commons dará assistência jurídica e fornecerá aos usuários e distribuidores o código-fonte aberto. O objetivo principal é educar os codificadores que uma licença de código aberto é distinta da marca registrada. O Open Usage Commons também garantirá que o uso de uma marca comercial seja neutro, consistente e transmita claramente os “usos aceitáveis” do código licenciado.

Google e Linux Foundation querem ajudar projetos de código aberto a gerenciar suas marcas registradas
O Google anunciou uma nova fundação chamada Open Usage Commons, juntamente com acadêmicos e parceiros do setor. Imagem: Open Usage Commons.

Enquanto isso, a Linux Foundation fornece suporte para hospedagem de projetos de código aberto, oferecendo serviços como “o proprietário neutro dos principais ativos e as contas de projetos, incluindo domínios, contas de serviço online (por exemplo: GitHub, Twitter etc) e marcas comerciais”.

As contribuições para o código de qualquer projeto de código aberto são de propriedade do colaborador e licenciadas para a Linux Foundation sob o Contrato de Licença do Colaborador. Além disso, a Fundação fornece suporte administrativo, de TI e de marketing para projetos, além de ajudar os mantenedores a obter novo treinamento ou financiamento.

Fonte: XDA Developers