Notícias

GPUs Turing da NVIDIA podem processar vídeo 8K

0
GPUs Turing da NVIDIA podem processar vídeo 8K
Nvidia

As GPUs Turing da NVIDIA podem processar vídeo 8K. Os avanços vão chegar às placas gráficas mais antigas. Apesar de ainda estarem começando projetos nesta resolução, elas devem se tornar realidade em breve. Primeiramente, muitos dos filmes e vídeos do YouTube  já são gravados em 8k . A NVIDIA anunciou que com a ajuda da empresa RED, a empresa resolveu um dos problemas mais espinhosos com 8K. As mais recentes Quadro RTX Turing GPUs suportarão reprodução e efeitos em tempo real de 8K. Assim, isso deve acelerar significativamente o fluxo de trabalho para editores de vídeo, compositores e colorizadores. Eventualmente, a tecnologia possibilitará que todos nós reproduzamos vídeos em 8K facilmente. Para isso, basta ter monitores e TVs compatíveis.

Exagero ou tendência?

O 8K pode parecer um exagero, mas os pixels extras oferecem opções mais criativas na pós-produção.

Há mais flexibilidade para estabilização de imagem, pan e zoom para reestruturar uma foto sem perder a qualidade de imagem no formato final de entrega [4K]”, escreveu a NVIDIA. “Para efeitos visuais, a alta resolução pode fornecer mais detalhes para rastreamento ou digitação. A redução da resolução de vídeo pode ajudar a diminuir o ruído, além de manter um alto nível de qualidade.

O CEO da NVIDIA, Jensen Huang, segura a GPU Quadro RTX/Engedget
Não são apenas os estúdios de Hollywood que gravam 8K. Nos Estados Unidos, segundo o site Engadget, é cada vez mais comum os YouTubers utilizarem esta tecnologia.  Dois exemplos são Marques Brownlee e Linus Sebastian. Ambos possuem câmeras high-end RED. Brownlee fez upload de alguns vídeos em 8K. No momento, a maioria dos editores precisa visualizar imagens de 8K em uma resolução reduzida. Isso porque as imagens de 35 megapixels não podem ser reproduzidas sem travamentos ou quadricular.

Esperamos que haja espaço livre no desempenho de decodificação para permitir camadas de efeitos em tempo real, dependendo das especificações do sistema”, disse o CEO da RED, Jarred Land. A tecnologia também possibilitará novos efeitos, acrescenta a NVIDIA. Os editores irão ganhar com novas funcionalidades como upscaling habilitado para AI, o que permitirá que eles misturem filmagens de arquivo ou ampliem a resolução de 8K com os melhores resultados possíveis.

 

Preço ainda é alto

As mais recentes Quadro GPUs RTX da NVIDIA com tecnologia avançada de rastreamento custam entre US $ 2.300 e US $ 10.000. Land disse que o 24fps 8K foi testado no P6000 de US $ 6.300. Ele acrescentou que “estamos confiantes de que o Turing de menor custo [também] funcionará bem”. Curiosamente, a tecnologia permitirá a reprodução de 8K em placas de geração atual como a NVIDIA GeForce GTX 1080 Ti.

Além disso, a RED garante que a nova tecnologia funcionará também nas GPUs de consumo recebidas pela NVIDIA.

“Isso é mais um problema de código do que algo relacionado ao hardware, disse Land. O lançamento disso está ligado ao novo hardware, mas todos na NVIDIA acabarão utilizando”, disse Land. Esta é apenas uma parte da história. Há uma enorme quantidade de novas placas NVIDIA  chegando”, afirmou.

 

 

Claylson
Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

Descobertas novas falhas em processadores Intel

Previous article

Ex-engenheiro de rede da Microsoft é condenado devido ao uso do Reveton ransomware

Next article

You may also like

More in Notícias

Postagens Populares

Login/Sign up