in

IBM junta Cloud Floundry e Red Hat OpenShift

As empresas eram concorrentes e agora vão juntar forças.

IBM junta Cloud Floundry e Red Hat OpenShift

Na Cloud Foundry Summit em Haia, a IBM apresentou o Cloud Foundry Enterprise Environment na plataforma de contêiner OpenShift da Red Hat. Assim, a IBM junta Cloud Floundry e Red Hat OpenShift

Por um longo tempo, o ecossistema de código-fonte como plataforma de serviço em nuvem de código aberto e o OpenShift da Red Hat, centralizado em Kubernetes, foram vistos como concorrentes. É que as duas ferramentas competiam por clientes corporativos que desejam modernizar suas plataformas de desenvolvimento e entrega de aplicativos. Porém, as coisas mudaram. No lado técnico, o Cloud Foundry começou a adotar o Kubernetes como uma opção para implantações de aplicativos e como uma forma de usar contêiner e executar o próprio Cloud Foundry.

Faz sentido a IBM juntar Cloud Floundry e Red Hat OpenShift?

No lado comercial, a aquisição da Red Hat pela IBM trouxe algumas mudanças também. A IBM apoiou o Cloud Foundry como membro de fundação, enquanto a Red Hat apostou em sua própria plataforma. Agora que a aquisição foi encerrada, talvez não seja surpresa que a IBM esteja trabalhando para trazer o Cloud Foundry para a plataforma da Red Hat.

Por enquanto, esse trabalho ainda é oficialmente um experimento tecnológico. No entanto, pode ser que a IBM queira transformar isso em um projeto totalmente suportado. Assim, dará aos usuários do Cloud Foundry a opção de implantar seu aplicativo diretamente no OpenShift. Do mesmo modo, os clientes OpenShift poderão oferecer a seus desenvolvedores a experiência do Cloud Foundry.

É outro ponto de prova de que essas coisas realmente funcionam bem juntas”, Cloud Foundry FoundationO CTO Chip Childers me disse antes do anúncio de hoje. “Essa é a experiência do desenvolvedor que a comunidade de CF traz e, no caso da IBM, é uma ótima história de comercialização para eles.

Cloud Foundry

Embora o Cloud Foundry não esteja com o mesmo fôlego de anos anteriores, continua uma das plataformas de desenvolvimento mais usadas em grandes empresas. É o que mostra pesquisa de usuário mais recente da Cloud Foundry Foundation.  Do mesmo modo, de acordo com a análise de código da fonte {d}, o projeto continua tendo mais de 50.000 confirmações por mês.

À medida que as empresas navegam na transformação digital e os desenvolvedores impulsionam a inovação em ambientes nativos da nuvem, uma coisa é muito clara: eles estão se voltando para o Cloud Foundry como uma plataforma segura, ágil e flexível – para não mencionar rápida – para construir no futuro, disse Abby Kearns, diretora executiva da Cloud Foundry Foundation. A pesquisa também destaca a âncora que o Cloud Foundry fornece em toda a empres. Isso permite que os desenvolvedores construam, suportem e maximizem as tecnologias emergentes.IBM junta Cloud Floundry e Red Hat OpenShift

Também na Cúpula desta semana, a Pivotal (que está em processo de aquisição pela VMware) está lançando a versão alfa do Pivotal Application Service (PAS) no Kubernetes. A Swisscom, uma das primeiras a apoiar o Cloud Foundry, está lançando uma grande atualização para o Application Cloud baseado em Cloud Foundry.

Fonte: TechCrunch

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

KaOS 2019.09 Linux lançado com o KDE Plasma 5.16.5 e Kernel 5.2

KaOS 2019.09 lançado com o KDE Plasma 5.16.5 e Kernel 5.2

Python 3.8 chega com várias novidades

Python Software Foundation anuncia a data final do suporte ao Python 2