in

KDE dá primeiras informações sobre o Plasma 5.20 e migração para o GitLab

Veja as novidades do ambiente.

KDE dá primeiras informações sobre o Plasma 5.20 e migração para o GitLab

Hoje é dia de notícias atualizadas sobre o Projeto KDE. E são muitas as novidades, especialmente, em relação ao KDE Plasma 5.20 e à migração do projeto para o GitLab. Na verdade, a grande maioria nem sequer pode ser utilizada pois ainda serão implementados. Assim, de concreto mesmo, está a migração do Phabricator para o GitLab como uma forma de implementar melhorias e tornar mais eficaz o desenvolvimento.

Contudo, o que realmente importa nos finais de semana são as notícias sobre o ambiente KDE, um dos mais têm evoluído ao longo do tempo e que recebe elogios de usuários também pelo grande número de aplicativos presentes. O principal desenvolvedor, Nate Grahan, compartilhou algumas informações sobre o andamento dos trabalhos. Segundo ele menciona, já estão ocorrendo os primeiros movimentos em torno do Plasma 5.20, agora que o Plasma 5.19 está chegando. Abaixo está a lista de notícias futuras que chegarão à área de trabalho do KDE nas próximas semanas.

Depois de anos usando o Phabricator, o KDE começou oficialmente a migração para o GitLab! Até agora, estamos usando-o para revisão de patches, e o rastreamento de tarefas do desenvolvedor será migrado em breve. Ainda estamos usando o Bugzilla para erros e solicitações de recursos, pois a migração dessas funções para o GitLab é um projeto significativo por si só! A comunidade do KDE já está aproveitando o fluxo de trabalho mais suave do GitLab; por que não aproveitar isso e enviar uma solicitação de mesclagem??

Mas isso não é tudo: grandes mudanças para o Plasma 5.20 também começaram a chegar. Promete ser uma versão muito significativa!, diz Nate.

Novas características do KDE Plasma em breve

Correções de bugs e melhorias de desempenho

  • Quando um documento aberto na Visualização da apresentação do Okular é recarregado no disco, ele não mostra mais repetidamente as notificações sobre o desejo de ser aberto na visualização da apresentação;
  • O Discover nem sempre abre no logon quando a restauração da sessão está em uso;
  • “Aplicar” na página Cor noturna das configurações do sistema agora está sempre ativo nos horários corretos;
  • A janela do seletor de emoji agora começa a pesquisar assim que você começa a digitar;
  • Corrigida uma falha ao desconectar as telas em Wayland;
  • O miniaplicativo Global Menu agora tem o comportamento correto de passar o mouse: você pode deslizar o mouse sobre o próximo menu para fechar o atual e abrir o outro;
  • Ao usar um sistema low-end com apenas a renderização de software disponível, os arquivos e pastas da área de trabalho agora têm um esboço sob seu rótulo para ficarem sempre visíveis:
    KDE dá primeiras informações sobre o Plasma 5.20 e migração para o GitLab
  • As configurações do sistema não travam mais ao abrir aplicativos externos listados na barra lateral, como o YaST do openSUSE;
  • As janelas “Get New [thing]” não mostram mais as mensagens de erro duas vezes.

Melhorias na interface do usuário

  • O comportamento de elisão do Dolphin foi refinado; ele não elimina mais os rótulos longos de arquivos e pastas, mas sim à direita e sempre mantém a extensão do arquivo (se presente) visível após as elipses;
  • Depois de levar em consideração o feedback do usuário na semana passada sobre o recurso de guias coloridas do Konsole, a aparência foi ajustada para maior usabilidade e estética:

    KDE dá primeiras informações sobre o Plasma 5.20 e migração para o GitLab
    Guias coloridas de aparência mais agradável no Konsole
  • uando o Discover está carregando mais resultados, o marcador “Ainda em exibição ” agora está posicionado corretamente e as duas mensagens no estilo de espaço reservado que incluem indicadores de atividade rotativa ficam consistentes na aparência:
  • Os OSDs de feedback para itens como alterações de volume e brilho agora são mais compactos, de modo que não ocultam tanto a tela principal:
    Sete dos Nove sabe para onde os OSDs devem ir
  • O applet Battery and Brightness agora tem uma interface de usuário mais compreensível para exibir aplicativos que estão impedindo o bloqueio e suspensão e permitindo que o usuário substitua isso:

     

  • Os títulos dos menus/cabeçalhos de seção agora têm a aparência (eu: Nate Graham, Plasma 5.20.0):
  • As guias do estilo Breeze agora têm dois pixels a mais, tornando-as consistentes com a altura dos botões e dos campos de texto;
  • Agora você será avisado se tentar criar um arquivo com um espaço no início do fim:

    KDE dá primeiras informações sobre o Plasma 5.20 e migração para o GitLab
    Espaço à direita no aviso de nome de arquivo
  • O ícone do mouse foi refeito e agora é distinguível dos fundos claros e escuros:
  • Agora, os SpinBoxes no Plasma podem ter seus valores modificados rolando sobre eles ou clicando/tocando e arrastando no número (nota: isso afeta apenas os SpinBoxes no Plasma, não nos aplicativos; a rolagem já está implementada lá e clique/ oque e- a manipulação de arrasto virá mais tarde).

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

TUXEDO lança primeiro laptop Linux com AMD

TUXEDO lança primeiro laptop Linux com AMD

Kodi 18.7 traz melhorias para ficar mais confiável

Kodi 18.7 traz melhorias para ficar mais confiável