in

Kernel Linux 5.8 RC3 lançado com tamanho maior que o esperado

No entanto, Linus Torvalds diz que não há o que temer.

Equipe Linux aprova nova terminologia e proíbe termos como 'lista negra' e 'escravo'

O desenvolvedor Linus Torvalds acabou de lançar na noite deste domingo o Kernel Linux 5.8 RC3 como o mais novo candidato semanal de teste para o próximo Linux 5.8 que deve estrear como estável no início de agosto. O Linux 5.8 é considerado uma das maiores atualizações de kernel de todos os tempos e, embora o 5.8-rc2 tenha sido bastante leve, o 5.8-rc3 apresentou muitas mudanças importantes a serem mescladas na semana passada com várias correções de erros e regressões. Assim, o Kernel Linux 5.8 RC3 foi lançado com tamanho maior que o esperado. Porém, Linus Torvalds disse estar atento e que, por enquanto, não há com o que se preocupar em relação aos prazos de desenvolvimewnto.

Linus observou no anúncio que “tivemos uma grande janela de mesclagem e também temos um rc3 bastante grande aqui. O período calmo para rc2 terminou claramente. Dito isto, não acho que exista algo particularmente assustador aqui, e o tamanho desse rc provavelmente é simplesmente um resultado direto do fato de que o 5.8 é um grande lançamento. É muito cedo para dizer se isso significa que teremos um período de RC mais longo, como resultado, vou ter que ficar de olho em como tudo isso progride. As estatísticas parecem razoavelmente normais: cerca da metade são drivers (a rede é uma grande parte, mas há realmente um pouco de tudo: gpu, som, usb, etc.)”. 

Caso você deseje saber todos os detalhes sobre o que vem por aí no Kernel 5.8 não deixe de acompanhar os destaques a seguir. O novo Kernel deve fazer parte de distribuições que terão sua estreia marcada mais o final do ano, como é o caso do Ubuntu 20.10 e do Fedora 33.

Kernel Linux 5.8 RC3 lançado com tamanho maior que o esperado. Aqui estão os destaques do Linux 5.8

Kernel Linux 5.8 RC3 lançado com tamanho maior que o esperado

Gráficos:

  • Suporte de código aberto Qualcomm Adreno 405/640/650;
  • Suporte AMDGPU TMZ com zonas de memória confiáveis para memória de vídeo criptografada;
  • O suporte para Intel Tiger Lake SAGV e outras atualizações gráficas Gen12;
  • Suporte de recuperação de software Radeon Navi/GFX10;
  • O driver Radeon agora também lida melhor com falhas térmicas críticas;
  • Suporte ao buffer P2P/DMA entre GPUs;
  • Outras atualizações também, como gerenciamento de energia em tempo de execução de Lima, suporte Nouveau para modificadores de formato NVIDIA e muito mais.

Processadores:

  • AMD Energy Driver foi fundido para (finalmente !!!) expor os sensores de energia Zen/Zen2 no Linux;
  • Temperatura AMD Ryzen 4000 Renoir e suporte a EDAC;
  • migração live AMD nasted com o KVM agora é suportada;
  • Suporte da CPU Loongson 3 para virtualização KVM;
  • Correções de mitigação de Spectre também estão sendo transportadas para a série estável agora;
  • Aumente o suporte para o driver CPPC CPUFreq;
  • Suporte PCIe NTB para servidores Ice Lake Xeon;
  • O suporte ao RISC-V Kendryte K210 SoC foi encerrado;
  • Novo Arm SoC e suporte à plataforma;
  • Suporte inicial para inicializar os processadores POWER10;
  • Suporte ao AMD Zen/Zen2 RAPL para limitar a potência média em tempo de execução;
  • Atraso otimizado em energia Intel TPAUSE suporte para núcleos Tremont e mais recentes;
  • Segurança reforçada de 64 bits, com suporte para Branch Target Identification (BTI) e a pilha de chamadas de sombra;
  • O supervisor XSAVES declara suporte , contadores de monitoramento de largura de banda da memória e outras atualizações x86 (x86_64);

Sistemas de armazenamento/arquivos:

  • Um back-end de dispositivo de bloco para o Pstore ao salvar mensagens de ops / pânico no disco;
  • Suporte ERASE/Discard/ TRIM para todos os hosts MMC, em vez de optar por participar anteriormente;
  • O suporte à compactação F2FS LZO-RLE foi adicionado para este sistema de arquivos otimizado para flash;
  • Melhorias no driver Microsoft exFAT, cortesia da Samsung;
  • Suporte para emular a memória flash MLC NAND como SLC;
  • Uma otimização de desempenho para o Xen 9pfs;
  • Trabalho de desempenho SMB3 para E/S grandes;
  • Correções para EXT4;
  • Suporte aprimorado a DAX para acesso direto ao armazenamento de memória persistente;
  • Várias melhorias no Btrfs.

Outro hardware:

  • Suporte do Habana Labs Gaudi para este acelerador de inferência de IA;
  • Também o suporte para Intel Tiger Lake Thunderbolt e ComboPHY para SoCs de gateway da Intel;
  • Suporte para Thunderbolt em sistemas não-x86;
  • Possibilidade de economia de energia significativa para placas-mãe com pontes PCIe para PCI/PCI-X;
  • DMA ponto a ponto para AMD Raven e Renoir;
  • Suporte de áudio AMD Renoir ACP;
  • Infra-estrutura de teste de cabos no código de rede Linux, embora inicialmente limitada para selecionar hardware/drivers;
  • Restaurando o driver da câmera Intel Atom (AtomISP);
  • Suporte para troca de teclas Fn e Ctrl nos teclados da Apple;
  • Inúmeras atualizações de gerenciamento de energia;
  • driver do controlador AMD SPI foi mesclado.
  • Melhorias gerais:
  • Melhorias no Jitter RNG e aterrissagem do driver Arm CryptoCell CCTRNG. O suporte ao AMD PSP SEV-ES também faz parte das atualizações de criptografia;
  • O Kernel Concurrency Sanitizer foi fundido com o KCSAN, ajudando a detectar condições adversas no kernel e já foi usado para descobrir dezenas de bugs reais;
  • Atualizações de preparação e IIO;
  • Otimizações do agendador;
  • Uma fila de notificação geral inicialmente conectada para notificar alterações de chave / chaveiro;
  • Otimizações do SELinux;
  • Melhorias na modernização do Procfs, agora com suporte a instâncias procfs privadas;
  • Uma nova opção initrdmem=option, entre outros casos de uso, pode ser usada ao substituir o espaço Intel ME por uma imagem initrd na área de flash salva;
  • Liberação de cache L1d por contexto, pois um recurso de aceitação foi originalmente mesclado. No entanto, Linus Torvalds finalmente o reverteu por enquanto, pois a implementação atual é “além de estúpida”.

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.