in

Lançado MX Linux 19.1 com ISO “Advanced Hardware Support”

Atualização fazparte da série Patito Feo.

A distribuição MX Linux baseada no Debian foi atualizada para a versão 19.1. Esta é a primeira atualização da série MX Linux 19 lançada no ano passado em outubro, adicionando melhorias e componentes atualizados. A principal novidade é que o MX Linux 19.1 foi lançado com ISO “Advanced Hardware Support”.

O MX Linux 19.1 está aqui principalmente como uma mídia de instalação atualizada para a série “Patito Feo” do MX Linux 19. No entanto, traz uma mudança importante. É uma nova imagem ISO que inclui um kernel e um conjunto de gráficos mais recentes para os novos hardwares AMD e Intel.

Lançado MX Linux 19.1 com ISO “Advanced Hardware Support”

Chamada de “Suporte Avançado de Hardware” ou AHS, a nova imagem ISO acompanha os ISOs regulares de 64 e 32 bits, que incluem o kernel Linux 4.19 LTS. Nesta versão, a imagem ISO da AHS é fornecida com o kernel Linux 5.4 suportado a longo prazo e gráficos Mesa 19.2, que devem suportar instalações do MX Linux em computadores mais novos.

Lançamos o repositório AHS há algum tempo e pensamos que era o momento certo para um ISO com o repositório AHS ativado por padrão. O AHS é insuficientemente testado, mas a idéia é que ele receba atualizações de gráficos ao longo do tempo, explicam os desenvolvedores.

Repositório antiX não está mais incluído no MX Linux

Lançado MX Linux 19.1 com ISO "Advanced Hardware Support"

Outra mudança importante na versão MX Linux 19.1 é o fato de que as imagens ISO não incluem mais o repositório antiX. Isso foi feito para permitir que as comunidades antiX e MX tenham mais flexibilidade sobre o desenvolvimento de seus pacotes e isso não afeta o usuário final.

Entre os pacotes atualizados incluídos no MX Linux 19.1, estão:

  • o navegador Mozilla Firefox 73;
  • o VLC 3.0.8 media player;
  • o Clementine 1.3.1 music player;
  • o cliente de e-mail e notícias Mozilla Thunderbird 68.4.0;
  • o editor de imagens GIMP 2.10.12;
  • e Suíte de escritório do LibreOffice 6.1.5.

Esta versão é baseada nos repositórios de software do Debian GNU/Linux 10.3 “Buster” e usa o ambiente de desktop mais recente do Xfce 4.14 por padrão. Os usuários também encontrarão o MX-Fluxbox interno como um gerenciador de janelas alternativo, um derivado do Fluxbox otimizado para o MX Linux.

Confira aqui as notas de lançamento.