Linux 5.5-rc5 lançado com correção de regressão de desempenho

O desenvolvimento do Linux 5.5 vem crescendo nos últimos dias após a semana de Natal e o Ano Novo. No entanto, agora mais desenvolvedores retornam aos seus teclados para obter essa próxima atualização do kernel repleta de novidades a serem implementadas para sua estreia no final do mês. Assim, foi lançado ainda no domingo, o Linux 5.5-rc5 com correção de regressão de desempenho.

Linux 5.5-rc5 lançado com correção de regressão de desempenho e também em todo o kernel

Linus Torvalds observou que, com a versão atual do Linux 5.5-rc5, “há todas as correções” para drivers, redes principais, várias arquiteturas e correções do subsistema de segurança. Entretanto, ele resume isso como “um saco misto de pequenas correções por toda parte”.

Uma dessas correções do Linux 5.5-rc5 que vale a pena destacar é a do AppArmor para uma regressão de desempenho que foi detectada em nossos benchmarks 5.5 anteriores.

Portanto, o Linux 5.5 deve ter menos uma regressão de desempenho, se você estiver executando no Debian Ubuntu ou com o AppArmor ativado. A regressão agora está resolvida a partir do código Git.

Com esse conjunto de correções do AppArmor, há uma alteração para obter apenas uma referência de rótulo se a verificação do atalho falhar. Isso, por sua vez, corrige a regressão de desempenho do Linux 5.5 AppArmor.

Será interessante ver agora o custo de desempenho desses mais de 70 benchmarks ao alternar para o AppArmor. O Hackbench deve estar em melhor forma. Assim, erá possível verificar o desempenho do AppArmor ativado no Linux 5.5 agora que essa regressão foi corrigida.

Além de tudo, uma homenagem

Linux 5.5-rc5 lançado com correção de regressão de desempenho

Em breve anúncio do kernel 5.5-rc5, Linus Torvalds também presta homenagem à morte recente de Bruce Evans, um desenvolvedor do Minix responsável por grande parte do trabalho do i386, desde os dias em que Linus o usava antes do Linux se tornar auto-hospedado.

Uma triste notícia que recebi na semana passada foi que Bruce Evans faleceu. Bruce nunca esteve realmente muito diretamente envolvido no desenvolvimento do Linux. Na verdade, ele era mais atuante no BSD. No entanto, era o desenvolvedor do Minix/i386, que foi o que eu usei para o desenvolvimento original do Linux, afirmou Linus.

Consulte aqui tudo o que já publicamos sobre o Kernel 5.5 e conheça as mudanças importantes que estão chegando para este kernel que será lançado no final de janeiro ou início de fevereiro, caso o ciclo de lançamento seja estendido devido ao tempo de inatividade do feriado.

Via Phoronix

Artigos recentes

Artigos relacionados