in

Mais jogadores de PC estão se voltando para os processadores da AMD

A sorte da AMD começou a mudar depois que sua arquitetura Zen chegou há dois anos.

Mais jogadores de PC estão se voltando para os processadores da AMD
Imagem: Reprodução | Tech Spot.

A AMD desgastou a participação de mercado de CPU da Intel por um tempo e agora outro relatório sugere que o Team Red está alcançando seu rival. De acordo com os resultados de uma pesquisa, 41% dos participantes jogadores de PC agora usam processadores da AMD.

O relatório vem da Jon Peddie Research, que fez parceria com a Antikythera Intelligence and Research e com o site Wccftech. Ele pesquisou os visitantes do site, fazendo perguntas sobre placas gráficas, CPUs, placas-mãe e realidade virtual.

Jogadores estão se voltando para os processadores da AMD

A pesquisa de outubro de 2019 teve 4.477 participantes, produzindo 143.264 respostas. Você pode ler o relatório completo de 55 páginas aqui.

A Wccftech revelou um fato interessante sobre os resultados da pesquisa: 41% dos participantes possuem processadores AMD em seus sistemas. Sem dúvida, a empresa ficará satisfeita em vê-la alcançando a Intel depois de anos na sombra do Chipzilla, embora já tenhamos visto muitos indicadores de que a maré esteja virando recentemente.

A sorte da AMD começou a mudar depois que sua arquitetura Zen chegou há dois anos. A participação de mercado da empresa aumentou a cada trimestre desde o segundo trimestre de 2017. Além disso, suas CPUs continuam dominando a lista de processadores mais vendidos da Amazon nos EUA, ocupando nove dos dez primeiros lugares. Também vimos outra pesquisa em novembro que mostrou que 60% dos europeus preferiam CPUs AMD em vez das da Intel (um aumento de 50% em relação aos dois anos anteriores).

Mais jogadores de PC estão se voltando para os processadores da AMD
Imagem: Reprodução | Tech Spot.

Uma área em que os processadores da AMD não estão se saindo tão bem é a Pesquisa de Hardware do Steam. Seus processadores são usados por apenas 16% dos participantes, muito atrás dos 84% da Intel. Além disso, o número de usuários caiu 3,39% entre novembro e dezembro, após meses de crescimento.

Com a expectativa de lançamento dos processadores Ryzen 4000 para desktop no segundo semestre de 2020, o futuro parece brilhante para a AMD.

Fonte: Tech Spot

Escrito por Leonardo Santana

Profissional da área de manutenção e redes, astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.