in

Melhores linguagens para a Internet das Coisas

Neste artigo, veja 5 das melhores linguagens de programação para a Internet das Coisas e por que você deveria considerar usá-las.

5 das melhores linguagens de programação para a Internet das Coisas
Veja 5 das melhores linguagens de programação para a Internet das Coisas. Imagem: Reprodução / IoT Tech Trends.

A menos que você esteja criando o mais simples dos projetos da Internet das Coisas (IoT, sigla em inglês), é provável que precise escrever algum código em algum momento. Talvez você consiga executar o código de outra pessoa se estiver criando um projeto comum, mas, na maior parte do tempo, precisará familiarizar-se com o código. E, como em qualquer outra coisa, você tem muitas opções ao escolher uma linguagem de programação para o seu projeto de IoT. Algumas coisas a considerar são o desempenho, as bibliotecas disponíveis e a facilidade de escrever e manter o código. Neste artigo, reunimos 5 das melhores linguagens de programação para a Internet das Coisas.

1. C ++

Uma das melhores coisas sobre o onipresente C ++ é que ele é tão difundido que você não precisa aprender tudo sobre essa linguagem de programação para utilizá-la na IoT.

5 das melhores linguagens de programação para a Internet das Coisas
Imagem: Reprodução / IoT Tech Trends.

O C ++ possui mais poder e um nível mais alto de abstração, objetos e classes do que sua linguagem ancestral, C. O fato de muitos sistemas operacionais de IoT terem suporte ao C ++ também o torna extremamente versátil, principalmente nos sistemas baseados em Linux, que são os mais populares para uso na IoT. Assim, ela tornou-se uma das melhores linguagens de programação para a Internet das Coisas.

Mas C também tem seus usos, o que nos leva à nossa próxima linguagem…

2. C

C é uma das linguagens mais antigas e ainda hoje é amplamente utilizada. Apesar das muitas linguagens que surgiram desde então, ainda existem muitos projetos que fazem uso intenso de C. Alguns até usam apenas C. Há uma boa razão para isso também: desempenho.

5 das melhores linguagens de programação para a Internet das Coisas
Imagem: Reprodução / IoT Tech Trends.

As outras linguagens usam um tempo de execução, o que significa que o bytecode ou o código real que você escreve está sendo interpretado quando o programa é executado. C, por outro lado, compila para o código da máquina. Isso significa que os programas em C são geralmente muito mais rápidos que seus equivalentes em outras linguagens.

Qualquer plataforma incorporada que você encontrar estará usando C em pelo menos algumas partes do sistema. Se você estiver executando em um sistema com recursos limitados, C ajudará você a aproveitar ao máximo a capacidade de processamento disponível.

3. Java

Quando o Java apareceu pela primeira vez nos anos 90, ele carregava o mantra “escreva uma vez, execute em qualquer lugar”. Isso significa que, pelo menos teoricamente, qualquer código que você escreve pode ser executado em qualquer sistema que possa executar a Java Virtual Machine (JVM).

5 das melhores linguagens de programação para a Internet das Coisas
Imagem: Reprodução / IoT Tech Trends.

Você precisa escrever seu código cuidadosamente para dar conta das diferenças de plataforma, mas essa fácil portabilidade é útil. Em muitos casos, isso significa que, se seu código Java for executado em sua máquina, ele também deverá ser executado em um dispositivo IoT, desde que tenha uma JVM.

O Java é conhecido por ser pesado quando se trata de recursos, mas há uma opção que o torna uma boa escolha para a IoT. O Java Embedded SE possui muitas das características da linguagem padrão, mas utiliza menos recursos.

4. Python

O Python é frequentemente usado no ensino dos conceitos básicos de programação devido à facilidade de aprender. Isso também é uma boa escolha para o seu projeto de IoT, se você não é versado em programação. A desvantagem é que o intérprete Python é um pouco pesado, então não é ótimo para ambientes de baixa especificação.

5 das melhores linguagens de programação para a Internet das Coisas
Imagem: Reprodução / IoT Tech Trends.

Um dos pontos fortes do Python é que ela é uma das melhores linguagens em lidar com bancos de dados e, se o seu projeto de Internet das Coisas envolve fazer medições e gravá-las em um banco de dados, o Python pode ser uma ótima opção para você.

O Python também é uma das linguagens de escolha para o Raspberry Pi. Por isso, grande parte do código nos projetos desse dispositivo é escrito em Python. Isso significa que você tem muitas oportunidades para ler o código e aprender.

5. JavaScript

Apesar das semelhanças em seus nomes, JavaScript e Java não têm nada a ver um com o outro. A única coisa semelhante nos dois é que ambos são linguagens de programação que começaram a vida nos anos 90.

5 das melhores linguagens de programação para a Internet das Coisas
Imagem: Reprodução / IoT Tech Trends.

Nos primeiros dias do JavaScript, ele era usado principalmente para adicionar funcionalidades às páginas da web. Agora, os desenvolvedores o usam para tudo, desde servidores da web e manipulação de bancos de dados até a criação de jogos.

Como Python, o JavaScript é uma linguagem interpretada, mas muitos dispositivos de IoT são capazes de executar o Node.js. Este é um intérprete que permite que o JavaScript seja executado exatamente como o Python, em vez de se limitar a um navegador. Existem até microcontroladores como o Espruino que executam o JavaScript imediatamente.

Neste artigo, você viu 5 das melhores linguagens de programação para a Internet das Coisas.

Se gostou, não deixe de compartilhar!

Fonte: IoT Tech Trends

Leia também: Como praticar com 16 linguagens de programação sem instalar nada

Escrito por Leonardo Santana

Astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.

novo-botnet-chamado-de-gucci-e-descoberto-e-poe-em-risco-dispositivos-da-internet-das-coisas-iot

Botnet chamado de Gucci é descoberto e põe em risco dispositivos da Internet das Coisas (IoT)

Lançado programa de recompensas de bugs em Kubernetes

Kubernetes, uma solução Google/Redhat.