in

Microsoft exFAT é confirmado no Linux 5.4

Além disso, novo Kernel terá EROFS e Greybus.

Microsoft exFAT é confirmado no Linux 5.4

Greg Kroah-Hartman começou a atender as solicitações de pull do kernel Linux 5.4 hoje dos subsistemas que ele supervisiona. As solicitações de recepção mais significativas desde então são as alterações na área de preparação que incluem o suporte ao sistema de arquivos exFAT da Microsoft.

Como esperávamos, o Linux 5.4 está trazendo suporte ao exFAT após o anúncio surpresa do mês passado. Foi quando a Microsoft, publicando a especificação exFAT e dando a ela uma autorização de código-fonte aberto para integrar o suporte ao sistema de arquivos no kernel do Linux.

Microsoft exFAT é confirmado no Linux 5.4

Microsoft exFAT é confirmado no Linux 5.4

O driver que está na fila no teste é o antigo código aberto da Samsung, vazado ‘acidentalmente’ há algum tempo. Esse código de driver exFAT é confuso e os desenvolvedores reconheceram a baixa qualidade dele. No entanto, já foram feitas várias correções e, assim, estão trabalhando para melhorar a qualidade.

Com o Linux 5.4, há suporte de leitura e gravação para o exFAT. Por isso é melhor que nada. Além disso, com o tempo, o driver será aprimorado. Portanto, se espera que ele esteja completamente funcional após este período de preparação, em um futuro não muito distante.

O sistema de arquivos exFAT da Microsoft já existe há mais de uma década e é comum nas mais recentes unidades flash USB, cartões SD e outros meios de armazenamento portáteis, além de impressoras e outros dispositivos que o suportam como uma alternativa moderna ao NTFS ou FAT32. Agora existem soluções exFAT fora da árvore para suporte a leitura e gravação em Linux.

Outros trabalhos

Microsoft exFAT é confirmado no Linux 5.4

Ao mesmo tempo, o kernel Linux 5.4 está trazendo trabalho contínuo nos wilc1000, rtl8192u, rtl8723bs, rtl8188eu e outros drivers.

Também estão sendo preparados para o Linux 5.4 o sistema de arquivos EROFS da Huawei. Ele está sendo usado como um sistema de arquivos somente leitura em seus smartphones. O Greybus como subsistema de driver usado pelo smartphone modular do Project Ara do Google e que serve como protocolo para o transporte de hardware do Protocolo Unificado também está terminando o teste.

Mais detalhes no PR de preparação.

Fonte: Phoronix