in

Microsoft Linux já tem equipe formada

Microsoft confirma que haverá uma versão do Teams para Linux

Microsoft Linux já tem equipe formada

Sonho ou pesadelo? O que para muitos parecia irreal há pouco tempo, toma forma a cada dia. Estamos falando de um sistema operacional da Microsoft feito em Linux. A Microsoft pode lançar uma versão do Microsoft Teams para Linux em algum momento no futuro, de acordo com engenheiros da empresa que trabalham no projeto. Então, o futuro Microsoft Linux já tem equipe formada.

O Microsoft Teams já está disponível nas plataformas mais populares, incluindo Windows, macOS, Android e iOS. Portanto, dado o impulso da gigante do software em direção ao mundo Linux, esse lançamento se alinha perfeitamente aos seus planos de longo prazo.

Um tópico no UserVoice, a plataforma de feedback da Microsoft, discute as chances de obter uma versão para Linux do Microsoft Teams, com o post tendo quase 9.000 votos positivos dos usuários, de acordo com um tweet do @unixterminal.

Minha equipe tem alguns usuários no Linux, e um benefício que o Slack tem é um cliente Linux. Sem um cliente Linux no Microsoft Teams, algumas organizações podem se afastar em favor do Slack, para que todos possam participar sem manter um navegador aberto o tempo todo, diz a sugestão do recurso original.

Microsoft Linux já tem equipe formada e trabalhando

Microsoft Linux já tem equipe formada

Um membro da equipe de engenharia da Microsoft Teams se juntou ao debate para confirmar que essa ideia está sendo considerada.

Sabemos que muitos de nossos clientes usam o Linux e queremos que as equipes estejam disponíveis para todos. Fique atento para mais informações em breve, diz a primeira resposta.

Um segundo engenheiro de equipes retornou com informações adicionais sobre a possibilidade de obter o Microsoft Teams no Linux.

Ei pessoal, obrigado pelo feedback – nós o ouvimos alto e claro. Depois de falar sobre isso com a equipe de Engenharia, eu confirmei que isso permanecerá no backlog e estamos considerando ativamente como acelerar, acrescenta o segundo post.

Neste ponto, no entanto, não há detalhes disponíveis. Por isso, enquanto as equipes da Microsoft podem chegar ao Linux em algum momento, ninguém pode dizer ao certo quando devemos esperar que isso aconteça.

Repositórios criados

sudo apt-key adv --keyserver (link: http://keyserver.ubuntu.com) keyserver.ubuntu.com --recv-keys EB3E94ADBE1229CF
sudo sh -c ‘echo “deb (link: https://packages.microsoft.com/repos/ms-teams/) packages.microsoft.com/repos/ms-teams/ stable main” > /etc/apt/sources.list.d/teams.list’
sudo apt-get update

Por enquanto, considere isso como uma confirmação antecipada de uma versão do Linux para o Teams. Porém, sem  criar grandes expectativas de que isso ocorra em breve. No entanto, segundo o mesmo usuário do Twitter, já existem até repositórios do novo Microsoft Linux. Ele até repassou os comandos, conforme a imagem acima. Porém, alerta que eles estão vazios no momento.

Cliente Teams

Há boas razões para os desenvolvedores no Linux duvidarem do compromisso da Microsoft com eles. A Microsoft nunca forneceu um cliente de desktop para Linux do Skype for Business, apesar de receber mais de 16.000 votos por um  desde 2015.

Parece estranho que a Microsoft não tenha feito um cliente Linux desde o lançamento do Teams, dado o grande número de desenvolvedores que usam o Linux. De acordo com a pesquisa de desenvolvedores 2019 do StackOverflow , 53% dos desenvolvedores escolhem o Linux como sua plataforma favorita, enquanto 50% escolhem o Windows.

Com informações do Softpedia.

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

50 anos da Apollo 11 e a computação - Parte 2

50 anos da Apollo 11 e a computação – Parte 2

SparkyLinux 2019.08 é lançado baseado no Debian 11

SparkyLinux 2019.08 é lançado baseado no Debian 11