Firefox vai reformular logo

A Mozilla acaba de liberar a versão 62 do navegador Firefox. Ele está disponível para Windows, Linux, MacOS e plataformas móveis (iOS e Android). Se você já usa o Firefox, pode simplesmente verificar sua versão no menu do Firefox e aguardar a atualização automática. Esta nova versão da era Quantum vem com alguns novos recursos, mas o mais interessante é sem dúvida a nova proteção contra rastreamento. Portanto, a Mozilla libera o Firefox 62.

Proteção de rastreio

Mozilla libera o Firefox 62

Ativando proteção de rastreio

Depois de atualizar para esta nova versão, você terá a opção de acessar diretamente no menu da barra de ferramentas do Firefox para ativar esta função. Se fizer isso, na próxima página que você visitar, o Firefox explicará exatamente o que você está fazendo.

Na verdade, você verá um cadeado verde ao lado de uma URL se a proteção contra rastreamento estiver atuando. Do mesmo modo,  também será informado que é possível não carregar alguns segmentos de uma Web nesse caso. Para desativar a proteção anti-rastreamento, basta pressionar o cadeado novamente para um site específico.

Mozilla libera o Firefox 62

A Mozilla tem trabalhado nisso há algum tempo, a idéia é bloquear o rastreamento da Web de terceiros que nos persegue em todos os lugares e torna a navegação mais lenta . Não é apenas uma função pró-privacidade, mas uma que busca otimizar a velocidade com a qual elas carregam as páginas .

Outras pequenas mudanças

Firefox perde milhões de usuários

O restante das inovações no Firefox 62 não é tão interessante para usuários Linux. Porém, você encontrará:

  • novas opções para personalizar uma nova aba;
  • agora é possível que o usuário organize até 4 linhas de sites mais visitados, ou histórias no pocket;
  • A renderização de gráficos também foi aprimorada para usuários do Windows que não possuem aceleração de hardware;
  • O Firefox já tem suporte para formulários CSS, o que permite layouts de páginas mais complexos.
  • Os desenvolvedores criaram um novo painel de inspeção de três segmentos nas ferramentas de desenvolvimento;
  • Flash agora rodando em um processo isolado no macOS para melhorar a segurança.

Para versão mais recente via PPA oficial

Por fim, você pode baixar o novo Firefox 62 na página oficial do navegador. Da mesma forma, pode adicionar o seguinte repositório para Ubuntu e Linux Mint, por exemplo.

sudo add-apt-repository ppa:ubuntu-mozilla-security/ppa
sudo apt-get update
sudo apt-get install firefox
Claylson
Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

Kernel 4.19 será a próxima série LTS

Previous article

Blizzard acaba com loot boxes de Overwatch no mercado belga

Next article

You may also like

More in Dicas