Lançado o Firefox 63 com novidades para Linux

A Mozilla vem fazendo muitos ajustes no Firefox, e agora já divulgou que em breve vai bloquear todos os scripts que tentarem rastrear o usuário. Com este ajuste serão três grandes melhorias no Firefox que vão impactar diretamente na experiência de navegação, ainda não há uma data certa para este lançamento, mas a Mozilla deixou claro que já deve chegar em breve nos próximos lançamentos do Firefox em poucos meses.

O objetivo deste bloqueios é garantir ao máximo a privacidade dos usuários do Mozilla Firefox, bloquear os inúmeros scripts mau intencionados que que existem atualmente e diminuir o tempo de carregamento de páginas em seu navegador. Todas essas atitudes são com base em estudos feitos e que vamos detalhar mais abaixo.

Privacidade do usuário

Se você costuma buscar por uma televisão em um site e depois vê anúncios dessa televisão em todos os outros sites que visita, o Firefox estará bloqueando o script de acompanhamento de sites por padrão no Firefox 65. Ele fará isso removendo cookies e bloqueando o acesso ao armazenamento de scripts de terceiros.

o-mozilla-firefox-em-breve-bloqueara-rastreadores-de-terceiros

Diminuindo o tempo de carregamento da página

De acordo com um estudo da Ghostery, uma grande porcentagem do tempo que leva para carregar um site é causada por scripts de rastreamento.

O rastreamento desacelera a Web. Em um estudo realizado pela Ghostery, 55,4% do tempo total necessário para carregar um site médio foi gasto com rastreadores de terceiros. Para usuários em redes mais lentas, o efeito pode ser ainda pior. Diz o anúncio da Mozilla

Devido a isso, o Firefox está adicionando um novo recurso no Firefox 63 que irá bloquear todos os scripts de rastreamento que levam mais de 5 segundos para carregar.

o-mozilla-firefox-em-breve-bloqueara-rastreadores-de-terceiros-1

Bloqueio de scripts maliciosos

Futuras versões do Firefox também bloquearão scripts maliciosos por padrão. Isso inclui scripts de mineração no navegador, como o Coinhive, e scripts projetados para identificar usuários de impressões digitais , identificando-os com base em suas propriedades de dispositivos e outras informações.

O bloqueio de scripts de mineração maliciosos já foi adicionado a outros navegadores, como o Opera, e é uma adição já esperada para o Firefox.

Por fim, todas essas mudanças já eram esperadas para o Firefox, alguns ajustes já virão no Firefox 63 e 65 e em breve devem surgir mais melhorias. Se você quer mais informações sobre assunto, pode consultar os links do estudo de Ghostery e do anúncio do Mozilla Firefox.

Qual Linux Kernel usar?

Previous article

Smartphones de 11 fabricantes estão vulneráveis aos comandos AT/AT Command Attacks

Next article

You may also like

More in Notícias