in

PayPal cobrará taxa de conta que estiver inativa

Alguns usuários são atingidos pela mudança. Brasil está de fora da medida.

PayPal cobrará taxa de conta que estiver inativa

Se você possui uma conta no PayPal é bom ficar atento. O serviço de pagamentos anunciou em 29 de setembro uma modificação dos Contratos Legais que afeta usuários em todo o mundo. Assim, o PayPal cobrará taxa de conta que estiver inativa. As alterações entram em vigor em 16 de dezembro de 2020. Segundo a empresa, caso não aceitemos as alterações, podemos encerrá-la antes dessa data para evitar incorrer em despesas adicionais.

A maior novidade, considerando o grande número de usuários que o PayPal possui, e que nem sempre precisam usar sua conta, é a introdução de uma ‘taxa de inatividade’. A empresa menciona que “se sua conta do PayPal ficar inativa por pelo menos 12 meses consecutivos, podemos cobrar uma taxa anual de inatividade”. O custo desta taxa é de 12 euros (cerca de R$ 80), ou o saldo remanescente da conta caso o valor disponível seja inferior.

No entanto, é a equipe de comunicação do PayPal no Brasil esclarece que “de fato, o PayPal anunciou a cobrança de uma taxa, mas para mercados específicos, ou seja, ela não vai impactar todos os usuários. A companhia informa, por exemplo, que a taxa de inatividade não será aplicada às contas de usuários no Brasil”. 

O que o PayPal considera “inatividade” e como evitar o pagamento se nossa conta não for usada

PayPal cobrará taxa de conta que estiver inativa

De acordo com as novas regras do PayPal, inatividade não significa não ter feito ou recebido pagamentos em nossa conta. Em contraste, de acordo com o PayPal, inatividade significa “não ter feito login em sua conta do PayPal, não a usou para enviar, receber ou retirar dinheiro.

Ou seja, evitar o pagamento da taxa de 12 euros pode ser tão fácil quanto fazer login uma vez por ano e receber uma pequena receita de um amigo, pois ele tem que passar 12 meses consecutivos sem realizar nenhuma dessas ações que o PayPal explica.

Por outro lado, o PayPal irá cobrar 12 euros enquanto houver essa quantia ou mais de dinheiro na conta. Se a conta contiver cinco euros de saldo, haverá cobrança desse valor. Se não houver saldo do PayPal e não houver cartões ou contas associados, o PayPal não poderá fazer o pagamento de forma imediata, embora possa fazê-lo mais tarde.

A maneira mais fácil de evitar cobranças é deletar a conta do PayPal. Para fazer basta acessar o link da empresa, logar e clicar em ‘Fechar conta’.

*A matéria foi atualizada após posicionamento da equipe do PayPal no Brasil.

 

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão. Nas horas não muito vagas, professor, fotógrafo, apaixonado por rádio e natureza.