Pesquisa aponta que Apple Watch pode notificar os usuários sobre níveis crescentes de estresse

O sensor de ECG no Apple Watch pode medir o estresse

Jardeson Márcio
4 minutos de leitura

O Apple Watch tem salvo a vida de muitas pessoas, graças ao sensor eletrocardiograma (ECG). Mas esse sensor pode muito mais que realizar um ECG. De acordo com um estudo realizado por pesquisadores da Universidade de Waterloo, no Canadá, o ECG no Apple Watch pode ajudar a prever o nível de estresse do usuário.

Medição de estresse com o ECG do Apple Watch

Outros dispositivos vestíveis, como smartwatches Fitbit, usam a Variabilidade da Frequência Cardíaca (VFC) para obter uma pontuação de estresse. A VFC mede o tempo entre os batimentos cardíacos e pode variar entre menos de 20 e mais de 200 milissegundos. Os relógios Fitbit também medem as propriedades elétricas da pele do usuário e a temperatura da pele para prever níveis de estresse futuros.

Os smartwatches Garmin prevêem o estresse usando um método bastante simples. Se a variabilidade entre os batimentos cardíacos está diminuindo, o estresse está aumentando. Se a variabilidade entre os batimentos cardíacos está aumentando, o estresse está diminuindo. Alguns desses dispositivos não apenas alertam o usuário de que ele está prestes a ficar estressado, mas também sugerem alguns exercícios respiratórios projetados para ajudá-lo imediatamente a relaxar.

O sensor de ECG do Apple Watch pode ser usado para prever o estresse também. O ECG de uma derivação no Apple Watch se compara favoravelmente ao ECG de 12 derivações usado pelos hospitais.

De acordo com a Apple:

A capacidade do aplicativo de ECG de classificar com precisão uma gravação de ECG em AFib e ritmo sinusal foi testada em um ensaio clínico de aproximadamente 600 indivíduos e demonstrou 99,6% de especificidade em relação à classificação de ritmo sinusal e 98,3% de sensibilidade para classificação de AFib para os resultados classificáveis.

pesquisa-aponta-que-apple-watch-pode-notificar-os-usuarios-sobre-niveis-crescentes-de-estresse
Imagem: Reprodução | Phone Arena

Um estudo recente foi realizado para ver quão bem o sensor de ECG no Apple Watch pode medir o estresse. Os participantes do estudo receberam um iPhone 7 com iOS 15 instalado e um Apple Watch Series 6 (que possui o sensor de ECG e o watchOS 8.3 instalado).

Os participantes receberam os dispositivos por duas semanas e foram instruídos a coletar dados seis vezes ao dia, a cada três horas. Antes de iniciar os testes, os participantes tiveram que preencher um questionário de estresse no iPhone encontrado em um aplicativo para iOS desenvolvido pelos pesquisadores. Algoritmos de aprendizado de máquina e outros fatores como idade, gênero e trabalho do sujeito foram usados para o estudo.

O estudo

De acordo com os pesquisadores:

Em geral, os modelos de ‘estresse’ tiveram um alto nível de precisão, mas menor recuperação. Os modelos ‘sem estresse’ tiveram um desempenho geralmente bom com uma recuperação tipicamente acima de 60%. Considerando a duração ultracurta das medições de ECG realizados aqui em comparação com o padrão, bem como a natureza das medições da vida real, os resultados apresentados foram bastante promissores.

Os pesquisadores também acreditam que o sensor de ECG no Apple Watch, combinado com o recurso de monitoramento do sono no relógio e sua capacidade de rastrear atividades físicas, pode ser desenvolvido em uma ferramenta precisa para prever níveis mais altos de estresse.

Além disso, os usuários do Apple Watch podem receber uma notificação de um aumento iminente em seus níveis de estresse para obter ajuda com antecedência, antes que sua saúde mental se deteriore ainda mais.

Talvez a Apple esteja trabalhando em um sistema próprio de monitoramento de estresse que possa combinar o ECG com alguns sensores existentes ou novos.

Share This Article
Follow:
Jardeson é Mestre em Tecnologia Agroalimentar e Licenciado em Ciências Agrária pela Universidade Federal da Paraíba. Entusiasta no mundo tecnológico, gosta de arquitetura e design gráfico. Economia, tecnologia e atualidade são focos de suas leituras diárias. Acredita que seu dia pode ser salvo por um vídeo engraçado.