in

Porteus Kiosk 5.0 lançado com Linux 5.4 LTS

Distro baseada no Gentoo chega com muitas melhorias.

Porteus Kiosk 5.0 lançado com Linux 5.4 LTS

O Porteus Kiosk baseado no Gentoo, uma distribuição GNU/Linux portátil, pequena e segura projetada para implantar um software de quiosque em computadores de acesso público, foi atualizada para a versão 5.0. A principal novidade do Porteus Kiosk 5.0 é que ele foi lançado com Linux 5.4 LTS.

Já se passaram quase seis meses desde o último lançamento do Porteus Kiosk e a equipe liderada por Tomasz Jokiel lançou hoje uma nova série importante do sistema operacional baseado no Gentoo que permite transformar um computador em um sistema de quiosque flexível e versátil.

Porteus Kiosk 5.0 lançado com Linux 5.4 LTS

Porteus Kiosk 5.0 lançado com Linux 5.4 LTS

O Porteus Kiosk 5.0 inclui grandes atualizações de software, começando com o kernel, que foi atualizado para a série Linux 5.4 suportada a longo prazo. O kernel do Linux 5.4.23 LTS está incluído nesta primeira versão da série 5.0, adicionando melhor suporte ao hardware mais recente e muitos outros benefícios.

Além disso, esta nova versão é fornecida com os navegadores Google Chrome 80.0.3987.122 e Mozilla Firefox 68.5.0 ESR. O navegador Firefox agora suporta a exibição de arquivos TIFF, o que requer que o parâmetro enable_file_protocol=yes seja definido na configuração do quiosque.

Novos recursos

Entre os novos recursos implementados no Porteus Kiosk 5.0, destaca-se:

  • o primeiro assistente de configuração de execução agora permite definir a aceleração personalizada do mouse;
  • bem como diferentes números de segundos para cada guia do navegador padrão exibida na tela do quiosque;
  • Agora, um servidor NTP remoto é usado para definir o relógio do sistema, o que garante que a hora correta seja exibida nos sistemas de quiosques que não são reinicializados regularmente;
  • e o suporte para iniciar uma sessão de quiosque sem usar um teclado físico está disponível graças a um novo teclado virtual;
  • Esta versão também adiciona suporte para definir o nível de volume de todos os dispositivos de áudio presentes no sistema do quiosque;
  • e melhora as conexões VNC (cliente de rede virtual) implementando um sinalizador -noxdamage no script de inicialização x11vnc;
  • Também foi implementado um tempo limite de 60 segundos ao usar o parâmetro  halt_idle= para impedir que o sistema do quiosque seja desligado;
  • Além disso, parece que o aplicativo independente Citrix agora funciona corretamente.
9to5 Linux

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão. Nas horas não muito vagas, professor, fotógrafo, apaixonado por rádio e natureza.