in

Samsung lança exFAT-Utils para formatar sistema de arquivos Fsck

Veja mais novidades em relação ao exFAT.

Samsung lança exFAT-Utils para formatar sistema de arquivos Fsck

Com o novo sistema de arquivos exFAT fundido para o Linux 5.7, os engenheiros da Samsung responsáveis por esse driver de kernel Linux nativo de código aberto para o suporte ao sistema de arquivos exFAT da Microsoft fizeram o primeiro lançamento oficial do exfat-utils.

O exfat-utils 1.0.1 de hoje de manhã é o primeiro lançamento oficial desses utilitários voltados ao usuário para exFAT no Linux.

Samsung lança exFAT-Utils para formatar sistema de arquivos Fsck

O pacote exFAT-utils permite criar um sistema de arquivos exFAT com mkfs.exfat, além de ajustar o tamanho do cluster e definir um rótulo de volume. Também existe o fsck.exfat para verificação de consistência de um sistema de arquivos exFAT no Linux.

Esta versão inicial dos utilitários exFAT no espaço do usuário foi anunciada na lista de discussão do kernel. A Samsung está mantendo o exfat-utils no GitHub.

Samsung lança exFAT-Utils para formatar sistema de arquivos Fsck

Com esses utilitários emparelhados com o Linux 5.7+ para o novo driver do kernel, deve oferecer um bom suporte de leitura e gravação para este sistema de arquivos da Microsoft voltado para dispositivos de memória flash, como unidades flash USB e cartões SDXC.

A versão inicial (1.0.1) do exfat-utils está agora disponível. Estes são os utilitários oficiais do espaço de usuário para o sistema de arquivos exfat de linux-kernel.

As principais mudanças nesta versão:

* mkfs.exfat: suporte de formato rápido e completo

* mkfs.exfat: especifica o tamanho do cluster

* mkfs.exfat: define o rótulo do volume

* fsck.exfat: suporte à verificação de consistência.

A árvore git está em: https://github.com/exfat-utils/exfat-utils

Os tarballs podem ser encontrados em https://github.com/exfat-utils/exfat-utils/releases/tag/1.0.1

exFat Microsoft

Samsung lança exFAT-Utils para formatar sistema de arquivos Fsck

 

Conforme o esperado, o novo driver de sistema de arquivos desenvolvido pela Samsung para o exFAT da Microsoft foi lançado com êxito no kernel Linux 5.7. Assim, ele vai substituir o driver exFAT existente adicionado no Linux 5.4 no ano passado, depois da autorização dada pela Microsoft.

Este novo driver exFAT da Samsung é uma versão muito mais atualizada do driver, em comparação com o driver exFAT original que, nos últimos ciclos, fez parte da área de preparação.

O driver existente está em uma implementação muito mais antiga em comparação com o driver Samsung atual. Esse é o mesmo driver que a Samsung está vendendo aos milhões em todo o seu portfólio de produtos Android e a Samsung continuará aprimorando suas melhorias no kernel Linux.

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.