Fedora 39 vai aumentar seu vm.max_map_count para satisfazer alguns jogos do Steam Play

Fedora Miracle Spin deve ser mais um sabor do Fedora Linux 41
Fedora 37 vai permitir acesso irrestrito ao Flathub

Há uma proposta em andamento para o Fedora 39 aumentar seu vm.max_map_count padrão para satisfazer alguns jogos do Windows rodando no Linux por meio do Steam Play da Valve. Uma proposta revisada foi agora aprovada pelo Comitê de Engenharia e Direção do Fedora. Até este ponto, o Fedora usou o valor vm.max_map_count padrão de 65.530, enquanto o Steam OS da Valve usa um valor de 2147483642 (MAX_INT – 5). Portanto, a expectativa é de que o Fedora 39 vai aumentar seu vm.max_map_count para satisfazer alguns jogos do Steam Play.

A maioria dos softwares funciona bem com o limite do número máximo de mapas de memória para um processo em 65k, mas alguns jogos do Windows como DayZ, Hogwarts Legacy e Counter-Strike 2 precisam de mais do que isso para rodar normalmente no Steam Play.Originalmente, a proposta do Fedora 39 também era usar uma contagem máxima de mapa de memória de 2147483642, mas havia preocupações levantadas se fosse muito altoque o kernel pode ser sobrecarregado com muitos mapeamentos e, por sua vez, levar o manipulador de falta de memória a encerrar outros processos.

Fedora 39 vai aumentar seu vm.max_map_count para satisfazer alguns jogos do Steam Play

Na reunião do Fedora Engineering and Steering Committee (FESCo) desta semana, eles concordaram em tentar um valor de 1.048.576, muito maior do que o padrão atual, embora não tão grande quanto o padrão do SteamOS. De qualquer forma, esse limite mais alto de vm.max_map_count deve ser suficiente para satisfazer os jogos atuais do Windows no Steam Play que não conseguem conviver com o limite mais baixo.

aprovação observa, porém, que uma reversão acontecerá se qualquer exploração prática e séria for descoberta no limite máximo de max_map_count. Aqueles que desejam testá-lo facilmente podem fazê-lo via sudo sysctl -w vm.max_map_count=1048576 .