in

Transformando o Raspberry Pi em um servidor de impressão

Tenha um servidor de impressão de baixo custo com o Raspberry Pi e com Arch Linux!

transformando-o-raspberry-pi-em-um-servidor-de-impressao

As instruções aqui foram testadas em um Raspberry Pi Model B, com o sistema Arch Linux voltado para arquiteturas ARM. Você pode usar outros modelos mais potentes, e ter um servidor de impressão Raspberry Pi na sua casa ou empresa.

Pré-requisitos para ter um servidor de impressão com Raspberry Pi

Este tutorial pressupõe que você tenha o Arch Linux instalado em seu Raspberry Pi e que ele possa ser acessado via SSH. Naturalmente, você também precisará de uma impressora compatível com o GNU/Linux. Para saber se a sua impressora é compatível com uma distribuição Linux, consulte nosso artigo intitulado impressoras compatíveis com Linux.

Instalando Pacotes

 Vamos precisar dos seguintes pacotes:
  • cups – O pacote principal CUPS
  • cups-pdf – Adiciona funcionalidade de impressão de PDFs ao CUPS
  • gutenprint – drivers de impressora Myriad.
  • avahi – a descoberta de dispositivos de rede, necessário para AirPrint
Utilize o comando abaixo para instalar os pacotes necessários.
pacman -Sy cups cups-pdf gutenprint avahi

Adicionando o CUPS Daemon

O Arch utiliza o systemctl (em vez do rc.conf) para gerenciar processos, então execute o comando abaixo para adicionar o CUPS à lista de daemons.

systemctl enable cups

Configurando o CUPS

Abra o arquivo /etc/cups/cupsd.conf, há um monte de opções lá, mas só precisamos configurar uma coisa no arquivo. Substitua o campo Listen localhost:631 por Listen 0.0.0.0:631. Isso tornará o serviço da web CUPS disponível para conexões externas, ao invés de somente a máquina local.

Agora, podemos gerenciar as permissões. Queremos dar acesso da LAN para as impressoras ( / ) e ao painel de administração ( /admin ).

# Restrict access to the server…
<Location />
Order allow,deny
Allow @LOCAL
</Location>
# Restrict access to the admin pages…
<Location /admin>
Order allow,deny
Allow @LOCAL
</Location>

Testando o CUPS

Inicie o CUPS:
systemctl start cups

Agora, visite o endereço http://pi-hostname:631 e você deverá ver a página inicial do CUPS. Bem, essa foi a primeira parte de alguns artigos para tornar o seu Raspberry Pi em um servidor de impressão.

Written by Emanuel Negromonte

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.

Tails 3.13.2 vem com atualização do Tor

Versão beta do Android Studio 3.5 já foi lançada