in

Twitter não sabe o que fazer com perfis de usuários falecidos

Polêmica surgiu depois de a empresa informar que iria desativar contas inativas há mais de seis meses.

Twitter não sabe o que fazer com perfis de usuários falecidos

O Twitter deu um passo atrás na ideia de eliminar completamente perfis de usuários inativos. Porém, diretores da rede social mudaram de tom em relação às contas inativas após receber muitos comentários dos usuários. Assim, antes de qualquer coisa, agora o Twitter estará desenvolvendo uma maneira de fazer um memorial das contas de usuários que faleceram, antes de prosseguir com o plano para desativar as contas inativas. A medida será adotada para apresentar informações mais precisas no serviço. Portanto, até o momento, a desativação está suspensa pois o Twitter não sabe o que fazer com perfis de usuários falecidos.

Twitter repensou a desativação porém ainda não sabe o que fazer com o perfil de usuários falecidos

Twitter não sabe o que fazer com perfis de usuários falecidos

A empresa reagiu rapidamente após receber uma quantidade significativa de feedback negativo sobre essa mudança. Parece que o caso de usuários falecidos simplesmente não foi considerado na decisão de fazer o encerramento de contas inativas.

Depois que o Twitter confirmou a limpeza da conta inativa (aquelas que não tweetam há mais de seis meses) na terça-feira, vários usuários notaram que isso também teria o efeito de apagar o conteúdo de contas cujos proprietários faleceram. Muitos usuários argumentaram sobre o impacto de uma perspectiva pessoal, pedindo ao Twitter que reconsiderasse sua mudança devido ao impacto humano e do potencial custo emocional.

Em um tópico que detalha seu novo pensamento sobre contas inativas, o Twitter explicou que sua atual política de contas inativas realmente sempre esteve em vigor, porém, que eles não foram diligentes em aplicá-las. Eles vão começar a fazê-lo na União Europeia parcialmente de acordo com as leis de privacidade locais, citando especificamente o GDPR.

No entanto, a empresa também diz que agora não removerá nenhuma conta inativa antes de primeiro implementar uma mudança. Eles querem garantir uma maneira de “contas inativas pertencentes a usuários falecidos serem memorizadas”. Portanto, presumivelmente isso significa preservar seu conteúdo.

Twitter não sabe o que fazer com perfis de usuários falecidos. Nada está claro

O Twitter continuou dizendo que pode expandir ou refinar sua política de conta inativa para garantir que funcione com os regulamentos de privacidade globais, mas não vai comunicar essas mudanças amplamente antes que elas entrem em vigor.

Ainda não está claro o que o Twitter fará para oferecer essa ‘memorialização’ de contas. Contudo, há algum precedente que eles podem implementar. O Facebook, por exemplo, possui um recurso de memorial que introduziu por razões semelhantes.

Fonte: TechCrunch

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.

WhatsApp copia Telegram e terá mensagens autodestrutivas

WhatsApp copia Telegram e terá mensagens autodestrutivas

Krita 4.2.8 agora disponível

Krita 4.2.8 agora disponível