in

Ubuntu 17.10 foi lançado, e aí atualizar ou não atualizar? Eis a questão!

O Ubuntu 17.10 foi lançado mas será que devemos atualizar?

lançado-ubuntu 17.10-Artful-Aardvark

O Ubuntu 17.10 foi lançado e agora é considerado a versão mais recente do Ubuntu. Mas, será que você lembra das novidades do Ubuntu? Pois é, fizemos um compilado com as principais mudanças, é sempre importante lembrar, há recursos que precisam passar pela lembrança para que todos possam tirar proveito deles.

- Anúncios -

Muita gente ainda não se sente segura em atualizar de qualquer versão do Ubuntu para a novíssima versão 17.10, mas é hora de perder o medo. Alguns critérios são sempre importantes serem avaliados antes de qualquer atualização, um deles é o quesito estabilidade. É normal que qualquer distribuição recém lançada ainda possua alguns erros a serem corrigidos, não que estes tenham sido ignorados pelos desenvolvedores do Ubuntu.

Mas, pelo fato de que algumas pessoas que encontram erros costumam não enviar os relatórios, o que limita o teste do Ubuntu com uma boa gama de hardwares ao redor do mundo.

Atualizar para o Ubuntu 17.10 ou não? Como decidir isso?

Essa dúvida sempre pega todos os usuários do Ubuntu a cada lançamento, e é até normal. Antes de atualizar é sempre bom por na balança alguns itens que podem atrapalhar o usuário, confira a lista dos itens que podem ajudar você para decidir se deve ou não atualizar para o Ubuntu 17.10.

Com base nas afirmações, veja em qual lista você se encaixa, faça uma decisão consciente. O processo de atualização pode demorar um pouco como também um nova instalação, confira a lista e mude com cautela.

Afirmações de quem não deve atualizar agora:

  • Preciso de uma sistema maduro sem tantos erros
  • Não preciso de aplicativos em suas últimas versões
  • Não tenho interesse em novos recursos
  • Alguns aplicativos que uso não possuem suporte para a versão atual do Ubuntu 17.10
  • Uso drivers proprietários

 

Afirmações de quem deve atualizar agora:

  • Gosto de testar novos recursos
  • Não me importo com pequenos erros
  • Gosto das últimas versões dos aplicativos lançados para o Ubuntu 17.10
  • Quero testar o novo ambiente GNOME com as modificações da Canonical
  • Não dependo de aplicações de terceiros
  • Uso meu sistema apenas para edições simples e acesso à internet
  • Uso drivers Intel
  • Uso hardwares onde possuem drivers de código aberto que funcionam

Sabemos que nenhuma decisão deve ser tomada sob impulso, em especial se você usa a sua máquina para produção, lembre-se que a versão do Ubuntu 17.10 tem um ciclo de vida de 9 meses e vai até julho de 2018. Se você quer uma distribuição madura pode usar o Ubuntu 16.04 LTS ou o Ubuntu 14.04.5 LTS.

 

 

Written by Emanuel Negromonte

Fundador do SempreUPdate. Acredita no poder do trabalho colaborativo, no GNU/Linux, Software livre e código aberto. É possível tornar tudo mais simples quando trabalhamos juntos, e tudo mais difícil quando nos separamos.

Red Hat Enterprise Linux (RHEL) 6.10

Red Hat defende que a inovação do mercado está na tecnologia open source

Ubuntu 18.04 LTS será chamado de Bionic Beaver