in

Ubuntu Unity Remix ganha site e lança nova versão

Esta é uma versão para quem sente falta do antigo ambiente desktop do Ubuntu

Ubuntu Unity Remix ganha site e lança nova versão

OUma distribuição que ainda não é um sabor oficial oficial reconhecido pela Canonical, o Ubuntu Unity Remix, acaba de lançar a versão 4.0.2. Esta distro surgiu este ano, pelo menos em termos de arquivos a serem usados por fãs saudosos do antigo ambiente que foi abandonado pela Canonical em 2017. Assim, o Ubuntu Unity Remix acaba de anunciar que também ganha um novo site e lança nova versão 4.0.2, baseada sempre no Ubuntu 20.04 LTS.

Entretanto, de acordo com o desenvolvedor, esta é uma versão que pode ser usada normalmente em seu computador ou notebook.

V4 é uma versão principal e recomendada (em relação às versões anteriores) para uso em máquinas de produção e para evitar possíveis problemas durante as atualizações do Ubuntu no futuro, garante a equipe.

Ubuntu Unity Remix ganha site e lança nova versão

Ubuntu Unity Remix ganha site e lança nova versão

Características da nova versão

  1. A tela inicial do Plymouth (ou tela de inicialização) tem a marca Ubuntu Unity.
  2. Tudo o que já havia na versão V4.0.1.

Notas da versão V4.0.1:

  • O LightDM é usado agora em vez do GDM3, com base na pesquisa do Twitter realizada no início deste mês;
  • O Nemo agora é usado como o Gerenciador de Arquivos padrão em vez do Nautilus, sob demanda popular;
  • Novo papel de parede padrão na sessão do Unity7 e muitas novas opções de papel de parede;
  • Novo ícone do iniciador – com base na pesquisa do Twitter;
  • O nome do remix foi alterado de Unubuntu para Ubuntu Unity na ISO.

Registre quaisquer novos problemas ou bugs encontrados durante o teste no GitLab:

https://gitlab.com/ubuntu-unity/ubuntu-unity-issues/-/issues/.

Sobre o novo site

Da mesma forma, foi anunciado o novo  site sobre o projeto: https://ubuntuunity.org/

Portanto, caso queiram experimentar, as novas imagens ISO do Ubuntu Unity 20.04 LTS Focal Fossa podem ser baixadas nos seguintes locais:

 

Escrito por Claylson Martins

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão.