in

7 coisas para considerar ao escolher uma VPN

Veja como escolher uma boa VPN.

7 coisas para considerar ao escolher uma VPN
Imagem: Reprodução / Make Tech Easier.

Sem sombra de dúvidas, pode ser desanimador depositar dinheiro em uma VPN (Virtual Private Network; em português: Rede Virtual Privada), apenas para descobrir que ela não faz o que você deseja. Assim, antes de gastar dinheiro ao escolher uma VPN, verifique se ela possui os recursos a seguir.

1. Velocidade de download

Se você planeja fazer algo além da simples navegação na web, é uma boa ideia encontrar uma VPN que tenha boa velocidade. Se você deseja que uma VPN evite o bloqueio da Netflix, por exemplo, uma velocidade lenta de download significa que você verá mais buffer do que o conteúdo em si!

2. Killswitches

Digamos que você esteja navegando na Internet usando uma VPN. Esta VPN não possui um killswitch incorporado. Durante a sua experiência de navegação, o servidor da sua VPN fica inativo. Você não percebe e continua navegando, sem saber que está se conectando diretamente à Web. Isso revela sua localização sem você saber.

Um killswitch é vital para quem usa VPNs para privacidade. Os killswitches reconhecem quando o serviço VPN é desativado e bloqueiam sua conexão com a Internet para impedir que sua identidade seja revelada.

3. Vários servidores por país

Se você deseja usar a VPN para contornar os bloqueios geográficos, é uma boa ideia escolher um que tenha vários servidores em cada país.

7 coisas para considerar ao escolher uma VPN
Imagem: Reprodução / Make Tech Easier.

Isso ocorre porque não é garantido que um servidor contorne um bloco apenas porque está no país de destino. O serviço que você está tentando acessar pode ter identificado o servidor VPN e impedido você de se conectar. Assim, é uma boa ideia ter um arsenal de servidores para tentar quando um deles não funciona.

4. Recursos de torrent

Se você deseja usar torrents enquanto estiver em uma VPN, verifique se eles permitem esse tráfego. Alguns serviços declaram em seus termos de uso que não tolerarão torrenting, enquanto outros terão servidores dedicados ao tráfego P2P.

5. Número de dispositivos

Em quantos dispositivos você deseja usar sua VPN? Se você estiver pensando em mais de três, vale a pena verificar novamente o limite de dispositivos permitidos antes de gastar dinheiro. Portanto, verifique se todos os seus dispositivos serão cobertos pela licença.

6. Histórico da empresa

7 coisas para considerar ao escolher uma VPN
Imagem: Reprodução / Make Tech Easier.

Quando confiamos às empresas nossa privacidade, é crucial fazer uma verificação de antecedentes para garantir que elas estejam manipulando nossos dados corretamente. Uma empresa com um histórico sombrio deve ser considerada suspeita, tenha cuidado! Portanto, faça uma pesquisa e veja em quem você confia.

7. O protocolo

Por fim, também é importante verificar se o provedor está criptografando seus dados corretamente. Dessa forma, ao pagar por uma VPN, verifique se eles estão fazendo o possível para proteger seus dados.

Sendo exigente ao escolher uma VPN

As VPNs normalmente pedem pagamento antes que você possa usá-las. Dessa maneira, é importante estudar cada potencial provedor de VPN para garantir que ele atenda às suas necessidades. Caso contrário, você pode acabar pagando pelo serviço que não deseja!

Neste artigo, você viu 7 coisas para considerar ao escolher uma VPN.

Fonte: Make Tech Easier

Leia também:

Como instalar o WireGuard VPN no Ubuntu, Fedora, Debian, CentOS e openSUSE!

Escrito por Leonardo Santana

Astrônomo amador e eletrotécnico. Apaixonado por TI desde o século passado.

4 sinais que te entregam como sendo um usuário Linux

4 sinais que te entregam como sendo um usuário Linux

Amazon permitirá que você pague as contas com a Alexa

Amazon permitirá que você pague as contas com a Alexa