caprine-um-facebook-messenger-para-linux

O Caprine é um Facebook Messenger para Linux e hoje você pode instalar o Caprine na sua distro Linux, que pode ser o Debian, Fedora, Linux Mint, openSUSE, Ubuntu, enfim, qualquer distro Linux. O Caprine é distribuído com um empacotamento bem simplista o appimage que basicamente é baixar e executar. Mas, é bom você saber as principais funcionalidades do Caprine Facebook Messenger.

Principais destaques do Caprine:

  • Privacidade focada. Você pode ocultar os últimos registros de visualização e de digitação.
  • Responsivo. A interface se adapta quando redimensionada para um tamanho pequeno.
  • Notificações da área de trabalho.
  • Modo escuro.
  • Salte entre conversas usando teclas de atalho.
  • Copie/cole imagens.
  • Impede o rastreamento de links. Isso significa que os links em que você clica não serão rastreados pelo Facebook.
  • Atualiza automaticamente quando uma nova versão estiver disponível.
  • Suporta Linux, Mac OS e Windows.
  • Distribuído sob licença código aberto.

Se você quer instalar o Caprine, também é importante lembrar que ele é um Facebook Messenger não oficial, isso quer dizer que ele não é desenvolvido pela equipe do Facebook, no entanto, possui funcionalidades úteis e alguns diferenciais.

caprine-um-facebook-messenger-para-linux

Instalando e executando o Caprine, um Facebook Messenger para Linux

Como dito antes, vamos usar o arquivo empacotado como appimage, o que vai facilitar o nosso trabalho. Só há disponibilidade para distribuições com arquitetura de 64 bits. Bom, vamos ao que interessa, abra o terminal manualmente ou usando o atalho Ctrl + Alt + T e cole os seguintes comandos:

wget -c https://github.com/sindresorhus/caprine/releases/download/v2.18.0/caprine-2.18.0-x86_64.AppImage

Dê as permissões para execução do arquivo:

sudo chmod +x caprine-2.18.0-x86_64.AppImage

O Comando a seguir serve para executar o arquivo, não pule nenhum etapa. Após execute este último comando, uma caixa de diálogo será aberta perguntando se você quer integrar o Caprine ao seu sistema, isso quer dizer que o Messenger vai criar atalhos e vai aparecer no menu. Na minha opinião, marque Yes, e prossiga, afinal ninguém quer ficar executando comandos sempre que for inicializar o Caprine.

sudo ./caprine-2.18.0-x86_64.AppImage

Instalando 0 Caprine, um Facebook Messenger no Ubuntu, Linux Mint e Debian

A opção a seguir, destina-se somente as distribuições baseadas no Debian, como Ubuntu e Linux Mint e outras variações que usam o empacotamento .deb. Lembramos mais uma vez, que o Caprine esta disponível somente para a arquitetura de 64 bits.

Para dar continuidade a instalação, abra o Terminal manualmente ou se preferir, use o atalho Ctrl + Alt + T e cole os comandos abaixo, não pule nenhum. Se você optou por usar o AppImage, você não precisa executar os próximos passos.

wget -c https://github.com/sindresorhus/caprine/releases/download/v2.18.0/caprine_2.18.0_amd64.deb -O caprine.deb
sudo dpkg -i caprine.deb
sudo apt -f install
Redação
Este usuário é utilizado quando um post é migrado de um usuário para outro, ou quando alguém envia um conteúdo ao SempreUPdate.

    Fedora pede ajuda para testar o novo spin Silverblue

    Previous article

    Como instalar o SoftMaker FreeOffice 2018 no Ubuntu, Debian, Linux Mint e derivados!

    Next article

    You may also like

    More in Dicas