in

China apresenta câmera de 500 megapixels que pode identificar todos os rostos em uma multidão de milhares de pessoas

Neste artigo, conheça a câmera de 500 megapixels apresentada pela China que pode identificar todos os rostos em uma multidão de milhares.

China apresenta câmera de 500 megapixels que pode identificar todos os rostos em uma multidão de milhares de pessoas
Apelidada de 'super câmera', a tecnologia foi revelada por pesquisadores na Feira Internacional da Indústria da China. Crédito: Reprodução / The Telegraph.

Cientistas da China desenvolveram uma câmera de reconhecimento facial de 500 megapixels quatro vezes mais detalhista que o olho humano, capaz de identificar indivíduos em multidões de dezenas de milhares de pessoas nas ruas ou em estádios esportivos.

O desenvolvimento suscita mais preocupações com a liberdade civil sobre o avanço rápido da tecnologia de vigilância ligada à inteligência artificial.

China apresenta câmera de 500 megapixels

Apelidada de ‘super câmera’, a tecnologia foi revelada por pesquisadores da Feira Internacional da Indústria da China há cerca de duas semanas.

Atualmente, a China tem cerca de 200 milhões de câmeras de CFTV vigiando seus cidadãos. Nos últimos anos, o país construiu um sistema de crédito social que gerará uma pontuação para cada cidadão com base em dados sobre suas vidas, como sua pontuação de crédito, se eles doam para instituições de caridade e sua habilidade paterna.

Dessa forma, as punições e recompensas que os cidadãos receberão com base em sua pontuação incluem acesso a melhores escolas e universidades e até ter viagens restringidas.

A atual rede de CFTV é uma ferramenta central na coleta de dados sobre seus cidadãos. Porém, as câmeras nem sempre são poderosas o suficiente para tirar uma foto clara do rosto de alguém na multidão. Dessa maneira, a nova câmera de 500 megapixels ou 500 milhões de pixels ajudará a remediar isso.

A inteligência artificial da câmera poderá escanear uma multidão e identificar um indivíduo em segundos. Samantha Hoffman, analista do Australian Strategic Policy Institute, disse à ABC que o governo possui enormes bancos de dados de imagens de pessoas. Além disso, acrescentou que os dados gerados a partir de vídeos de vigilância podem ser “alimentados em um conjunto de dados que, combinado com o processamento da Inteligência Artificial, serão capazes de gerar ferramentas para controle social, incluindo ferramentas vinculadas ao Sistema de Crédito Social”.

China apresenta câmera de 500 megapixels que pode identificar todos os rostos em uma multidão de milhares de pessoas
Nos últimos anos, a China construiu um sistema de crédito social que gerará uma pontuação para cada cidadão com base em dados sobre suas vidas, como sua pontuação de crédito, se eles doam para instituições de caridade e sua habilidade paterna.

Reino Unido entra na onda

No Reino Unido, o Ministério do Interior está testando a tecnologia de reconhecimento facial. Todavia, existe oposição de grupos de ativistas e das próprias forças policiais.

A polícia de Gales do Sul anunciou neste verão (hemisfério Norte) que experimentaria a tecnologia de reconhecimento facial em tempo real. Além disso, neste mês a prática foi regulamentada pela Alta Corte.

Neste artigo, você conheceu a câmera de 500 megapixels apresentada pela China que pode identificar todos os rostos em uma multidão de milhares de pessoas.

Se gostou, não deixe de compartilhar!

Fonte: The Telegraph

Leia também: EUA levantam preocupações de segurança em relação ao 5G da Huawei com aliados do Golfo

Escrito por Leonardo Santana

Profissional da área de manutenção e redes, astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.

Linux Foundation apoia microkernel seL4 orientado para segurança

O Pentágono precisa criar mais software de código aberto, segundo auditores americanos

instalar-o-wine-no-ubuntu-linux-mint-e-derivados

Como instalar o Wine no Ubuntu, Linux Mint e derivados!