in

Chrome OS 80 virá com Debian 10 em novas instalações

O suporte a aplicativos Linux faz parte do esforço para torná-lo mais útil.

Chrome OS 80 virá com Debian 10 em novas instalações
Imagem: reprodução / Computerworld

No ano passado, a gigante das pesquisas Google anunciou o suporte a aplicativos Linux para o Chrome OS. Isso é possível graças à instalação de uma distribuição Linux, especificamente Debian 9 “Stretch”, em um contêiner Linux. No início deste ano, o projeto Debian anunciou o Debian 10 “Buster”, mas o Google ainda não estava pronto para atualizar o contêiner Linux padrão nos Chromebooks. Agora, após meses de testes e correção de bugs, a Google está pronto para ativar o Debian 10 “Buster” como o contêiner padrão do Linux no Chrome OS 80.

Mais detalhes do Chrome OS 80 com Debian 10

Chrome OS 80 virá com Debian 10 em novas instalações

De acordo com um commit recentemente mesclado que vimos no Chromium Gerrit, as novas instalações do Crostini (o codinome para aplicativos Linux no Chrome OS) obterão o Debian 10 por padrão.

O commit não menciona como os Chromebooks com instalações existentes do Debian 9 “Stretch” serão migrados para a versão mais recente, mas os usuários podem atualizar facilmente o contêiner executando alguns comandos.

A atualização para a versão mais recente do Debian habilita novos recursos e também deve trazer maior suporte a aplicativos. Para os realmente empreendedores, é até possível substituir o contêiner Debian pelo Arch Linux.

O suporte a aplicativos Linux nos Chromebooks faz parte do esforço da Google para tornar o Chrome OS mais útil para desenvolvedores. Ele permitiu que desenvolvedores com Chromebooks de última geração pudessem desenvolver aplicativos Android no Android Studio, por exemplo.

O Chrome OS 80 também trará outras alterações úteis para desenvolvedores, como o carregamento de aplicativos Android, sem ativar o Modo Desenvolvedor. Atualmente, a versão 80 está no canal Canary e deve ser lançada para todos os usuários em fevereiro de 2020.

Então, através deste artigo, viu-se que o sistema Chrome OS versão 80 virá com a base do Debian 10 Buster nas futuras versões, o que, provavelmente, tornará o sistema da Google mais estável.

Via: XDA-Developers

Escrito por Fabiano Rodrigues

Usuário de Linux desde o Kurumin; servidor público, tecnólogo em análise e desenvolvimento de sistemas, amante de software livre e de código aberto; apaixonado por jogos, louco por rock e heavy metal, filmes e seriados.

Purism descreve o trabalho do software Librem 5 em outubro

Purism descreve o trabalho do software Librem 5 em outubro

Como instalar o planetário Winstars 3 no Ubuntu

Como instalar o planetário Winstars 3 no Ubuntu