Take a fresh look at your lifestyle.

Distribuição brasileira Linuxfx anuncia nova versão

O Linuxfx é uma distribuição brasileira baseada no Ubuntu. Ele vem com uma série de diferenciais em relação a outras distribuições Linux, inclusive com softwares voltados a monitoramento de carros e portarias.

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Os fãs do ambiente KDE Plasma já contam com mais uma versão atualizada de uma distribuição. Desta vez, a brasileira Linuxfx Ghost 9.0. O projeto é baseado no Ubuntu 18.04 LTS e possui o ambiente de desktop KDE Plasma 5.12. Então, conheça um pouco mais sobre a distribuição brasileira Linuxfx.

Principais diferenciais do Linuxfx

  • Ele vem com o WPS Office para trabalhar com documentos no lugar do LibreOffice;
  • Possui vários navegadores da web, incluindo Chrome, Firefox e Tor Browser, estão disponíveis para navegação na web;
  • O Skype e o Thunderbird estão instalados;
  • K3b está presente para gravação de mídia ótica;
  • VLC e Deadbeef são os programas para vídeos e ouvir música;
  • e TeamViewer para fornecer assistência remota.
  • O software Sentinel ctOS e o processador de áudio Soundfx incorporado também estão incluídos.

Assim, informações sobre como acessar esses programas podem ser encontradas no anúncio de lançamento  junto com informações adicionais sobre o Linuxfx 9.0. Para baixar a ISO da distribuição, acesse:

Linuxfx

Scientific Linux

Resultado de imagem para Scientific Linux

O Scientific Linux é uma distribuição construída pela recompilação do código-fonte do Red Hat Enterprise Linux e fornecendo alguns pacotes e recursos adicionais. O projeto anunciou uma atualização para a série 7.x da distribuição, o Scientific Linux 7.5.

anúncio de lançamento afirma: “Principais diferenças do Scientific Linux 7.4:

  • O sl-release é atualizado para usar os 7.5 repos; 
  • O OpenAFS agora é a versão 1.6.22.3; 
  • o kmod foi publicado com o kernel de segurança 7.5; 
  • As falhas do Anaconda não oferecem mais a abertura de um bugzilla com o TUV; 
  • O NetworkManager.i686 não está mais empacotado para o SL7. 

Problemas conhecidos:

Se você tiver o NetworkManager.i686 instalado, deverá digitar ‘yum remove NetworkManager.i686’ antes de atualizar. Aplicativos que dependem de exiv2-libs podem precisar ser recriados. Usuários do ZFS No Linux devem revisar.

Baixar Scientific Linux

Fonte deste artigo Distrowatch
Comentários