Notícias

12/01/2022 às 14:00

7 min leitura

Avatar Autor
Por Claylson Martins

Distribuição Ubuntu Linux rodará com facilidade em Raspberry Pi 4 com 2 GB de RAM

O segredo está em reduzir consumo de memória.

Distribuição Ubuntu Linux rodará com facilidade em Raspberry Pi 4 com 2 GB de RAM

Ótimas notícias para os fãs do Ubuntu e do Raspberry Pi. Um novo recurso desta distribuição Linux facilita o perfeito funcionamento dentro do dispositivo, apesar das limitações. Assim, já é possível executar o desktop Ubuntu completo em um Raspberry Pi 4 com 2 GB de RAM. Então, a distribuição Ubuntu Linux completa rodará com facilidade em Raspberry Pi 4 com 2 GB de RAM.


O Ubuntu já suporta as versões Raspberry Pi 4 Model B de 4 GB e 8 GB (isso ocorre pelo menos desde o lançamento do Ubuntu 20.10). Agora, a equipe que está elaborando um plano de distribuição para ir além. A ideia é que tenhamos em breve o suporte também para o modelo Raspberry Pi 4 de 2 GB. Quem quiser adquirir um, saiba que custa em torno de R$ 300 reais no mercado internacional, sem taxas ou impostos.

Distribuição Ubuntu Linux rodará com facilidade em Raspberry Pi 4 com 2 GB de RAM

No entanto, fazer o Ubuntu rodar de uma forma satisfatória, não é nada fácil. O que dificulta é a questão da memória fraca para rodar qualquer sistema. Para driblar este problema, é preciso entrar no zswap, a ‘arma secreta’ do Ubuntu para direcionar Pis com pouca memória com a experiência completa do Ubuntu.

Se você estiver executando qualquer tipo de sistema Linux, é altamente provável (e recomendado) que você tenha um arquivo de troca alocado em seu disco rígido ou cartão SD. Os arquivos de troca agem como uma espécie de estouro para sua RAM, armazenando em cache páginas que raramente são usadas para liberar RAM para processos mais ativos. 

Isso permite que você continue trabalhando mesmo quando seu sistema estiver usando quase toda a sua RAM. No entanto, usar swap é menos eficiente do que usar RAM, pois acessar seu disco rígido (ou cartão SD) é mais lento. Você pode ler mais sobre swap na documentação do Ubuntu.

A maioria dos sistemas Ubuntu vem com um arquivo de troca. Isso funciona como um ‘estouro’ para RAM, armazenando em cache processos e tarefas que não são imediatamente necessários. Assim, ocorrerá a liberação de RAM para processos realmente em uso. As compilações existentes do Ubuntu Raspberry Pi não são exceção a isso.

O Zwap nada mais é que uma ferramenta de compressão

Distribuição Ubuntu Linux rodará com facilidade em Raspberry Pi 4 com 2 GB de RAM
Distribuição Ubuntu Linux rodará com facilidade em Raspberry Pi 4 com 2 GB de RAM

“Quando um processo está prestes a ser movido para o arquivo de troca, o zswap o compacta e verifica se o novo tamanho menor ainda precisa ser movido ou se pode permanecer em sua RAM. É muito mais rápido descompactar uma página ‘zswapped’ do que acessar o arquivo de troca, então essa é uma ótima maneira de obter mais retorno de seus investimentos em sistemas com quantidades menores de RAM” , explica Oliver Smith, da Canonical.

Como resultado, temos uma experiência de desktop Ubuntu mais suave e rápida. Para ter o recurso, não precisaesperar a chegada do |Ubuntu 22.04 em abril. Essa habilitação pode ocorrer com uma simples habilitação via Terminal, caso já possua um Raspberry Pi 4:

Terminal
sudo sed -i -e 's/$/ zswap.enabled=1/' /boot/firmware/cmdline.txt

Em seguida, reinicie o computador e pronto.

O ZSwap não é a única opção a ser adotada pelo Ubuntu para reduzir o consumo de memória. Dave Jones, da Canonical, detalha outros trabalhos com o mesmo objetivo. Os detalhes estão em um post em seu blog, checando a compressão z3fold e lz4.

Via OMGUbuntu

Jornalista com pós graduações em Economia, Jornalismo Digital e Radiodifusão. Nas horas não muito vagas, professor, fotógrafo, apaixonado por rádio e natureza.

Mais lidas

Últimos posts

Newsletter

Receba nossas atualizações!

Newsletter

Receba nossas atualizações!
  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.