in

Estudo conclui que usar o Android Auto pode prejudicar a condução mais do que álcool e maconha

Os tempos de reação foram mais de 50% mais lentos.

Estudo conclui que usar o Android Auto pode prejudicar a condução mais do que álcool e maconha
Imagem: Reprodução | Tech Spot.

Softwares de entretenimento e informação para carros, como o Android Auto e o Apple CarPlay, são incrivelmente populares entre os motoristas, mas um novo estudo sugere que a interação com esses sistemas de entretenimento e lazer pode prejudicar a condução e os tempos de reação mais do que o álcool e a maconha.

Usar o Android Auto pode prejudicar a condução

Um estudo realizado pela TRL em nome da IAM Roadsmart — a maior instituição de caridade independente de segurança rodoviária do Reino Unido — a FIA e o Rees Jeffreys Road Fund, mostrou quanto o tempo de reação dos motoristas diminuiu com base em diferentes cenários.

Normalmente, um motorista não distraído leva um segundo para reagir a alguma coisa. Isso aumenta 12% quando eles estão bebendo perto do limite permitido, 21% se eles estão usando maconha e 35% se eles estão mandando mensagens. Ao usar o Android Auto no modo touch, ele aumenta para 53%; o Apple CarPlay é ainda maior: 57%.

Estudo conclui que usar o Android Auto pode prejudicar a condução mais do que álcool e maconha
Imagem: Reprodução | Tech Spot.

O estudo constatou que os motoristas que interagem com as telas sensíveis ao toque aumentam a distância de parada do veículo entre quatro e cinco comprimentos. Além disso, eles tiram os olhos da estrada por até 16 segundos enquanto dirigem.

Ainda mais, os motoristas que interagiram com o Android Auto ou o Apple CarPlay lutavam para manter a posição do veículo em uma faixa, desviando-se do lugar em até 53 centímetros. Eles também não conseguiram manter uma velocidade e uma distância constantes do veículo à frente.

O uso de comandos de voz melhorou os tempos de reação em comparação com o uso das telas touch. Todavia, isso ainda aumentou o tempo em 36%.

Por fim, a IAM Roadsmart está exigindo mais testes e a introdução de novos padrões no setor para ajudar a minimizar a distração do motorista. Assim, ela aconselha os proprietários a usá-los da maneira mais segura possível, incluindo a configuração de tudo antes de iniciar uma jornada.

Fonte: Tech Spot

Escrito por Leonardo Santana

Profissional da área de manutenção e redes, astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.

Distribuições Linux atualizadas: Devuan, AryaLinux e NuTyX

Distribuições Linux atualizadas: Devuan, AryaLinux e NuTyX

Twitter quer facilitar a verificação dos especialistas em saúde para combater a desinformação relacionada ao coronavírus

Twitter quer facilitar a verificação dos especialistas em saúde para combater a desinformação relacionada ao coronavírus