in

EUA e China assinam acordo comercial que ajudará a reduzir produtos falsificados e pirateados

Ambas as partes devem tomar medidas efetivas com relação às principais plataformas de comércio eletrônico.

EUA e China assinam acordo comercial que ajudará a reduzir produtos falsificados e pirateados
Imagem: Reprodução | Tech Spot.

Os Estados Unidos (EUA) e a China assinaram na quarta-feira o que está sendo descrito como a “primeira fase” de um acordo comercial mais amplo. Entre outras coisas, ele inclui medidas para combater a prevalência de produtos falsificados ou pirateados nas plataformas de comércio eletrônico.

O artigo 1.14 do acordo comercial observa que ambas as partes devem tomar medidas efetivas com relação às principais plataformas de comércio eletrônico que não tomarem as medidas necessárias para combater a violação dos direitos de propriedade intelectual.

EUA e China assinam acordo comercial

Especificamente, a China concordou em revogar as licenças de operação de plataformas que se tornam reincidentes. Por outro lado, os EUA se comprometem a estudar meios adicionais para combater a venda de produtos falsificados ou pirateados.

EUA e China assinam acordo comercial que ajudará a reduzir produtos falsificados e pirateados
Imagem: Reprodução | Tech Spot.

Como destaca a CNBC, essa última parte não pode ficar camuflada. Por exemplo, a Amazon, uma das maiores varejistas de eletrônicos do mundo, vem travando uma batalha muito real contra produtos falsificados em sua plataforma há algum tempo.

Assim, há pouco menos de um ano, a gigante do comércio eletrônico anunciou o Projeto Zero. Ele veio com uma abordagem em três frentes para ajudar a eliminar falsificações. Ainda assim, o problema persiste, com alguns grupos chegando ao ponto de sugerir que a Amazon deva ser adicionada às listas de observação de fornecedores falsificados. No início deste mês, a empresa liderada por Jeff Bezos prometeu aumentar as denúncias de listagens falsas em seu site para aplicação da lei.

Fonte: Tech Spot

Caso queira acompanhar mais assuntos sobre Linux, Android, hardware, programação e ficar antenado no mundo da tecnologia, fique à vontade para entrar no grupo do Sempre Update no Telegram.

Leia também:

China vai substituir todo o hardware e software estrangeiro de instituições públicas até 2022

Departamento dos EUA suspende o uso de drones fabricados na China por medo de espionagem ou ataque cibernético!

Escrito por Leonardo Santana

Astrônomo amador, eletrotécnico e apaixonado por TI desde o século passado.

HP pode começar a tornar os cartuchos de tinta mais acessíveis

HP pode começar a tornar os cartuchos de tinta mais acessíveis

Lançado programa de recompensas de bugs em Kubernetes

Lançado programa de recompensas de bugs em Kubernetes