in

Google eliminará o recurso de sincronização do Chrome em navegadores de terceiros

Muitas das APIs do Chromium são específicas para o Google Chrome.

Google Chrome deixará de funcionar em processadores antigos
O Google está se preparando para fazer grandes mudanças no navegador Chrome, com a versão 89 exigindo um chip com SSE3 em plataformas desktop.

O Google diz que vai bloquear navegadores Chromium de terceiros de usar APIs privadas do Google depois de descobrir que eles estão integrando-os, embora devam ser usados apenas no Chrome.

Muitas das APIs do Google incluídas no código do Chromium são específicas para o Google Chrome e não se destinam a ser integradas e usadas pelos usuários de produtos derivados do Chromium.

Google eliminará o recurso de sincronização do Chrome em navegadores de terceiros

Jochen Eisinger, diretor de engenharia do Google Chrome, explicou:

Durante uma auditoria recente, descobrimos que alguns navegadores de terceiros baseados no Chromium foram capazes de integrar recursos do Google, como sincronização do Chrome e Click to Call, que se destinam apenas ao uso do Google.

Isso significa que uma pequena fração de usuários pode entrar em sua Conta do Google e armazenar seus dados pessoais de sincronização do Chrome, como favoritos, não apenas com o Google Chrome, mas também com alguns navegadores de terceiros baseados no Chromium.

Google eliminará o recurso de sincronização do Chrome em navegadores de terceiros
O Google diz que vai bloquear navegadores Chromium de terceiros de usar APIs privadas do Google.

Eisinger não compartilhou os nomes dos navegadores que integraram o Chrome Sync sem autorização, mas revelou que a empresa limitará os navegadores Chromium de terceiros de acessar APIs Chrome privadas a partir de 15 de março de 2021.

Ao remover o acesso à sincronização do Chrome para outros navegadores, ele remove a capacidade de integrar a API de sincronização do Chrome para sincronizar os dados de seus usuários com todos os dispositivos em que estão conectados à conta do Google.

Quando a sincronização do Chrome está ativada, as informações sincronizadas incluem favoritos, senhas, histórico, guias abertas, configurações, preferências e, em alguns casos, até informações de pagamento.

Eisinger acrescentou:

A orientação para fornecedores de produtos de terceiros baseados no Chromium está disponível na wiki do Chromium.

Bleeping Computer

iphone-sem-porta-apple-testando-como-restaurar-dados

O iPhone 13 poderá ter sensor de impressão digital no display

o-site-parler-de-volta-a-ativa-em-breve

O site Parler de volta à ativa em breve?